Mulher se nega a ir ao Pronto Socorro e morre em casa com covid-19 no Sul de Minas

Publicado por Tv Minas em 26/03/2021 às 16h44

Segundo os familiares, ela teve muita falta de ar durante o dia inteiro ontem, mas não quis ir para o médico.

Uma mulher de 54 anos é a 13ª vítima da covid-19 em Guaranésia. A mulher morreu nesta quinta-feira (25) na casa onde mora, no distrito de Santa Cruz da Prata. Apesar de estar com falta de ar a paciente não buscou atendimento médico, segundo informações do secretário municipal de Saúde de Guaranésia, Luís Eduardo Souza Flamini.

"Ela passou no pronto-socorro no dia 22 de março e foi para casa. Hoje recebemos a notícia de que ela faleceu em casa. Segundo os familiares, ela teve muita falta de ar durante o dia inteiro ontem, mas não quis ir para o médico", explicou o secretário ao Portal da Cidade Guaxupé.

Guaranésia confirmou da data de hoje oito novos casos da doença. A cidade tem um total de 863 casos, sendo 756 recuperados, um paciente em leito UTI, 5 pacientes em leitos de enfermaria e 13 óbitos confirmados.

Compartilhe essa matéria: