Mulher morre dois dias após ser atropelada em Congonhal

Publicado por Tv Minas em 13/06/2022 às 16h20

Paola Lidiene de Oliveira foi atingida ao parar carro para pagar uma conta; ela estava a caminho do rodeio para o show de Maiara e Maraisa.

Paola Lidiene de Oliveira, de 40 anos, morreu nesta segunda-feira (13/06), vítima de um atropelamento em Congonhal, Sul de Minas. Ela estava internada em estado grave desde sábado (11/06), dia em que foi atropelada, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu pela manhã.

A família da vítima conversou com o Terra do Mandu e enviou imagens que mostram o momento em que Paola foi atropelada. No vídeo é possível ver que a mulher para o veículo no acostamento da BR-459, por volta das 22h, próximo à um bar, e ao sair do carro é atingida e arremessada sobre o asfalto por um veículo que vinha na mesma mão de direção.

Segundo conta a família, Paola estaria no bar algum tempo antes do ocorrido e saiu apenas para buscar um outro familiar, que aparece nas imagens saindo pela porta do carona. Ao retornar, ela parou o carro para pagar a conta no bar, onde estava com mais familiares e amigos, e seguiria para a Festa do Peão, onde participaria de um show das irmãs Maiara e Maraisa. Mas, acabou sendo atingida.

De acordo com testemunhas, o carro responsável pelo atropelamento tentou fugir do local, mas foi seguido por populares, que o seguraram até a chegada da polícia. Um casal foi levado para a delegacia para prestar depoimento.

A reportagem entrou em contato com a Polícia Rodoviária Federal que retornou afirmando que o Boletim de Ocorrências ainda não está fechado e que não conseguiria passar mais informações, inclusive do que teria acontecido com o responsável pelo atropelamento.

O velório de Paola Lidiene acontecerá nesta segunda-feira (13/06) na Funerária Ferracioli, a partir das 17h. Já o sepultamento será nesta terça-feira (14/06), no Cemitério Municipal de Congonhal, às 10h.

Outdoor Virtual: clique na imagem para saber mais.

Compartilhe essa matéria: