Homem tenta matar rival, foge em alta velocidade e morre em rodovia mineira

Publicado por Tv Minas em 01/03/2021 às 17h10

Para impedir que o rival baleado chamasse a polícia e que tivesse morte lenta, o atirador trancou a casa e levou as chaves e o celular do homem.

Um imigrante mineiro, que morou nos Estados Unidos e retornou ao Brasil em dezembro de 2020, selou seu destino de forma trágica na tarde de sábado (27/02), na BR-116, próximo a Dom Cavati, no leste de Minas.

Ele descobriu, pouco tempo depois de voltar ao Brasil, que sua esposa mantinha um relacionamento extraconjugal com outro homem, morador da localidade chamada de Córrego Ilhéus, na zona rural de Engenheiro Caldas, distante 48 quilômetros de Governador Valadares.

No último sábado, ele foi se vingar da traição sofrida, e levou a mulher para ela ver o amante morrer com os tiros que seriam disparados contra ele. E seguiu o seu roteiro. Chegando ao Córrego Ilhéus, ele encontrou o seu rival. Sem perder tempo, efetuou os disparos e, ele e a mulher, viram o homem baleado cair, agonizando, no quintal de sua casa.

Para impedir que o rival baleado chamasse a polícia e que tivesse morte lenta em sua propriedade, o atirador trancou a casa do rival e levou as chaves e o smartphone do homem, fugindo em alta velocidade.

Alguns vizinhos distantes, que ouviram os disparos, foram socorrer o homem baleado. Chamaram a Polícia Militar, que foi até ao local e encontrou o homem caído, com o corpo ensanguentado.

Mesmo em agonia, o homem baleado contou aos policiais que o autor dos disparos era um homem que tinha ido se vingar dele, por ele ter um caso amoroso com a esposa desse homem. E que o atirador havia saído em fuga, rumo a Ipatinga.

Homem tenta matar rival, foge em alta velocidade e morre em rodovia -  Gerais - Estado de MinasA carreta baú, com o forte impacto, tombou na lateral da pista do rodovia, próximo a Dom Cavati. O motorista da carreta escapou ileso.

 

Tragédia na rodovia 

Quando os policiais estavam saindo para interceptar o carro do atirador na BR-116, chegou até a eles a informação que havia ocorrido um acidente gravíssimo na estrada, depois que um automóvel Honda Civic bateu de frente com uma carreta baú, que tombou na pista.

No Honda Civic estavam o atirador e sua esposa. O carro ficou completamente destruído. O atirador teve morte instantânea e ficou preso às ferragens do veículo. A mulher foi socorrida por uma ambulância do SAMU e levada ao Pronto Socorro do Hospital Municipal, em Governador Valadares, onde já estava o homem baleado. 

Familiares da mulher disseram aos policiais que ela contou a eles que os planos de vingança do atirador incluíam a morte do amante e da esposa. Os policiais militares trabalham com a hipótese de o acidente ter sido provocado pelo atirador, que pode ter jogado seu carro contra a carreta.

Com o forte impacto da colisão frontal, a carreta baú atingida pelo automóvel do homem ficou tombada às margens da pista e diversas peças espalhadas. O motorista do veículo de carga não teve ferimentos. 

A perícia da Polícia Civil e a Polícia Rodoviária Federal investigam as causas do acidente. O homem baleado está internado no Hospital Municipal de Governador Valadares e passa bem. A mulher, depois de receber atendimento médico, tem o estado de saúde estável.

Compartilhe essa matéria: