Jovens matam mulher para vender os seus olhos por cerca de 450 reais

Publicado por Tv Minas em 01/06/2023 às 12h33

O corpo de Duibraska Andreína Rivas Romero, 31 anos, foi localizado mutilado no rio Motatán, na Venezuela, no dia 23 de maio, conforme relatos.

Dois jovens foram presos por suspeitas de serem os responsáveis pela morte de uma mulher, para que pudessem vender os seus olhos, por cerca de 450 reais, em Caracas, na Venezuela.

O corpo de Duibraska Andreína Rivas Romero, de 31 anos, foi encontrado mutilado no rio Motatán, em 23 de maio, relatou a Jam Press.

No dia anterior, José Gregorio Hernández Vargas, de 19 anos, teria convidado a mulher para um passeio próximo ao rio. Juntos, os amigos pararam na casa de Kleiver Omar Linares Rondón, de 21 anos, antes de seguirem viagem.

No local, o trio teria entrado em conflito, que culminou com a morte de Romero. De acordo com a publicação, a mulher foi atacada com uma faca, sendo que Vargas, que estudava medicina, teria removido os seus olhos, para os vender por cerca de 450 reais. O jovem necessitava do dinheiro para, supostamente, sair do país.

Jovens matam mulher para vender os seus olhos por cerca de 450 reais.

Os suspeitos teriam, depois, atirado o corpo da vítima e arma do crime ao rio.

Após cometerem o crime, os assassinos retornaram à casa da vítima para entregar seus pertences à família, alegando desconhecer seu paradeiro. A polícia local, no entanto, encontrou o corpo e prendeu os jovens. As investigações continuam em curso.

 

Compartilhe essa matéria:

As Mais Lidas da Semana