news:

Entretenimento e Curiosidade

Família encontra celular na praia e não mede esforços para devolvê-lo

Publicado por TV Minas em 19/02/2018

foto_principal.jpg

Marcio, mulher e filha acharam o aparelho em uma praia de São Sebastião, litoral de São Paulo, e o devolveram ao proprietário em Lençóis Paulista, no interior.

 

Um homem do interior do Estado de São Paulo perdeu o celular no mar enquanto passava o ano-novo no litoral, mas recuperou o aparelho mais de 20 dias depois graças a uma família que o achou na areia.

 

O caso aconteceu em uma praia de São Sebastião, no litoral norte do Estado. Fernando Darcie conta que o celular caiu de seu bolso enquanto ele pulava as sete ondinhas.

 

"O Google mostrou que o aparelho foi levado pela correnteza uns bons metros mar adentro. Virou oferenda, literalmente, e eu esperava nunca mais ouvir falar dele", escreveu em seu Facebook.

 

Se alguma divindade rejeitou a oferenda ou apenas queria que ele voltasse para seu dono, fato é que Maria Gabriella de Almeida, menina moradora da região, encontrou o aparelho enquanto brincava na areia no dia seguinte e entregou para seu pai, Marcio Nobrega.

 

Ele e a mulher não tiveram dúvida de que deveriam fazer com que o celular voltasse para o proprietário. O aparelho estava bloqueado e, por isso, não conseguiram obter informações sobre seu dono.

 

A saída foi conectar o cartão de memória no computador da família. Entre os arquivos estavam fotos de passagens aéreas compradas por Fernando e, assim, encontraram o perfil dele no Facebook.

 

Mandaram mensagem mas, como não obtiveram resposta, encontraram o telefone do irmão de Fernando na rede social e, assim, contaram tudo o que havia acontecido ao longo do mês.

 

Foi assim que contataram Fernando e puderam pegar o seu endereço em Lençóis Paulista para enviar o aparelho pelo correio. Ele conta que o aparelho estava funcionando normalmente e que, apesar de já ter adquirido outro celular, a atitude da família de Marcio lhe marcou profundamente.

 

"O Márcio, a Josiane e a família deles são um exemplo mais do que inspirador para termos força e seguirmos sendo os melhores seres humanos que podemos ser, para nós mesmos e para o mundo ao nosso redor", disse.

 

 

Marcio, mulher e filha acharam o aparelho em uma praia de São Sebastião, litoral de São Paulo, e o devolveram ao proprietário em Lençóis Paulista, no interior.


 


Um homem do interior do Estado de São Paulo perdeu o celular no mar enquanto passava o ano-novo no litoral, mas recuperou o aparelho mais de 20 dias depois graças a uma família que o achou na areia.


 


O caso aconteceu em uma praia de São Sebastião, no litoral norte do Estado. Fernando Darcie conta que o celular caiu de seu bolso enquanto ele pulava as sete ondinhas.


 


"O Google mostrou que o aparelho foi levado pela correnteza uns bons metros mar adentro. Virou oferenda, literalmente, e eu esperava nunca mais ouvir falar dele", escreveu em seu Facebook.


 


Se alguma divindade rejeitou a oferenda ou apenas queria que ele voltasse para seu dono, fato é que Maria Gabriella de Almeida, menina moradora da região, encontrou o aparelho enquanto brincava na areia no dia seguinte e entregou para seu pai, Marcio Nobrega.


 


Ele e a mulher não tiveram dúvida de que deveriam fazer com que o celular voltasse para o proprietário. O aparelho estava bloqueado e, por isso, não conseguiram obter informações sobre seu dono.


PATROCINADORES

 


A saída foi conectar o cartão de memória no computador da família. Entre os arquivos estavam fotos de passagens aéreas compradas por Fernando e, assim, encontraram o perfil dele no Facebook.


 


Mandaram mensagem mas, como não obtiveram resposta, encontraram o telefone do irmão de Fernando na rede social e, assim, contaram tudo o que havia acontecido ao longo do mês.


 


Foi assim que contataram Fernando e puderam pegar o seu endereço em Lençóis Paulista para enviar o aparelho pelo correio. Ele conta que o aparelho estava funcionando normalmente e que, apesar de já ter adquirido outro celular, a atitude da família de Marcio lhe marcou profundamente.


 


"O Márcio, a Josiane e a família deles são um exemplo mais do que inspirador para termos força e seguirmos sendo os melhores seres humanos que podemos ser, para nós mesmos e para o mundo ao nosso redor", disse.


 


 



Marcio, mulher e filha acharam o aparelho em uma praia de São Sebastião, litoral de São Paulo, e o devolveram ao proprietário em Lençóis Paulista, no interior.



Um homem do interior do Estado de São Paulo perdeu o celular no mar enquanto passava o ano-novo no litoral, mas recuperou o aparelho mais de 20 dias depois graças a uma família que o achou na areia.



O caso aconteceu em uma praia de São Sebastião, no litoral norte do Estado. Fernando Darcie conta que o celular caiu de seu bolso enquanto ele pulava as sete ondinhas.



"O Google mostrou que o aparelho foi levado pela correnteza uns bons metros mar adentro. Virou oferenda, literalmente, e eu esperava nunca mais ouvir falar dele", escreveu em seu Facebook.



PATROCINADORES

Se alguma divindade rejeitou a oferenda ou apenas queria que ele voltasse para seu dono, fato é que Maria Gabriella de Almeida, menina moradora da região, encontrou o aparelho enquanto brincava na areia no dia seguinte e entregou para seu pai, Marcio Nobrega.



Ele e a mulher não tiveram dúvida de que deveriam fazer com que o celular voltasse para o proprietário. O aparelho estava bloqueado e, por isso, não conseguiram obter informações sobre seu dono.



A saída foi conectar o cartão de memória no computador da família. Entre os arquivos estavam fotos de passagens aéreas compradas por Fernando e, assim, encontraram o perfil dele no Facebook.



PATROCINADORES

Mandaram mensagem mas, como não obtiveram resposta, encontraram o telefone do irmão de Fernando na rede social e, assim, contaram tudo o que havia acontecido ao longo do mês.



Foi assim que contataram Fernando e puderam pegar o seu endereço em Lençóis Paulista para enviar o aparelho pelo correio. Ele conta que o aparelho estava funcionando normalmente e que, apesar de já ter adquirido outro celular, a atitude da família de Marcio lhe marcou profundamente.



"O Márcio, a Josiane e a família deles são um exemplo mais do que inspirador para termos força e seguirmos sendo os melhores seres humanos que podemos ser, para nós mesmos e para o mundo ao nosso redor", disse.





Veja Também