news:

Sul de Minas

Operação da PC no Sul de Minas prende 20 envolvidos com facção criminosa

Publicado por TV Minas em 15/03/2018

foto_principal.png

Matéria extraída do G1

 

Operação Ressurreição tem como alvo o tráfico de drogas de grupos criminosos em São Sebastião do Paraíso.

 

Pelo menos 30 mandados judiciais foram cumpridos, com 20 presos pela Polícia Civil em São Sebastião do Paraíso, na manhã desta quinta-feira (15). A Operação Ressurreição tem como alvo uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas no Sul de Minas Gerais.

 

Os 27 mandados de prisão e três de busca e apreensão foram cumpridos por cerca de 100 policiais, com suporte de uma aeronave na Polícia Civil de Minas Gerais. Entre os presos, estão cinco mulheres e 15 homens. Um deles foi encontrado em Mococa (SP). Duas pessoas foram presas em flagrante, com grande quantia de drogas em casa. Sete pessoas ainda estão foragidas.

 

A polícia também apreendeu materiais eletrônicos,dinheiro, relógios, celulares e drogas, entre cocaína e maconha. O material será usado na busca de novos indícios para a continuidade da investigação.

 

 

Droga encontrada com presos da Operação Ressurreição em São Sebastião do Paraíso.

 

 

A operação durante a manhã foi deflagrada depois de seis meses de investigação e 60 dias de monitoramento dos envolvidos com a facção. Ela representa um desdobramento de duas outras investigações - uma do tráfico de drogas e outras relacionada a crimes no bairro Santa Tereza. No local, foi encontrada a maior parte dos presos.

 

Segundo a polícia, o grupo do Sul de Minas tinha ligação direta com membros da unidade paulista. "Eles migraram parte para Minas Gerais, onde aqui praticavam o delito de tráfico de drogas e outros delitos patrimoniais, com violência e sem violência", explicou o delegado Thiago Bordini.

 

Todos envolvidos e o material apreendido foram levados para a delegacia de São Sebastião do Paraíso.

Matéria extraída do G1


 


Operação Ressurreição tem como alvo o tráfico de drogas de grupos criminosos em São Sebastião do Paraíso.


 


Pelo menos 30 mandados judiciais foram cumpridos, com 20 presos pela Polícia Civil em São Sebastião do Paraíso, na manhã desta quinta-feira (15). A Operação Ressurreição tem como alvo uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas no Sul de Minas Gerais.


 


Os 27 mandados de prisão e três de busca e apreensão foram cumpridos por cerca de 100 policiais, com suporte de uma aeronave na Polícia Civil de Minas Gerais. Entre os presos, estão cinco mulheres e 15 homens. Um deles foi encontrado em Mococa (SP). Duas pessoas foram presas em flagrante, com grande quantia de drogas em casa. Sete pessoas ainda estão foragidas.


 


A polícia também apreendeu materiais eletrônicos,dinheiro, relógios, celulares e drogas, entre cocaína e maconha. O material será usado na busca de novos indícios para a continuidade da investigação.


 


PATROCINADORES

 



Droga encontrada com presos da Operação Ressurreição em São Sebastião do Paraíso.


 


 


A operação durante a manhã foi deflagrada depois de seis meses de investigação e 60 dias de monitoramento dos envolvidos com a facção. Ela representa um desdobramento de duas outras investigações - uma do tráfico de drogas e outras relacionada a crimes no bairro Santa Tereza. No local, foi encontrada a maior parte dos presos.


 


Segundo a polícia, o grupo do Sul de Minas tinha ligação direta com membros da unidade paulista. "Eles migraram parte para Minas Gerais, onde aqui praticavam o delito de tráfico de drogas e outros delitos patrimoniais, com violência e sem violência", explicou o delegado Thiago Bordini.


 


Todos envolvidos e o material apreendido foram levados para a delegacia de São Sebastião do Paraíso.


Matéria extraída do G1



Operação Ressurreição tem como alvo o tráfico de drogas de grupos criminosos em São Sebastião do Paraíso.



Pelo menos 30 mandados judiciais foram cumpridos, com 20 presos pela Polícia Civil em São Sebastião do Paraíso, na manhã desta quinta-feira (15). A Operação Ressurreição tem como alvo uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas no Sul de Minas Gerais.



PATROCINADORES

Os 27 mandados de prisão e três de busca e apreensão foram cumpridos por cerca de 100 policiais, com suporte de uma aeronave na Polícia Civil de Minas Gerais. Entre os presos, estão cinco mulheres e 15 homens. Um deles foi encontrado em Mococa (SP). Duas pessoas foram presas em flagrante, com grande quantia de drogas em casa. Sete pessoas ainda estão foragidas.



A polícia também apreendeu materiais eletrônicos,dinheiro, relógios, celulares e drogas, entre cocaína e maconha. O material será usado na busca de novos indícios para a continuidade da investigação.





PATROCINADORES

Droga encontrada com presos da Operação Ressurreição em São Sebastião do Paraíso.



A operação durante a manhã foi deflagrada depois de seis meses de investigação e 60 dias de monitoramento dos envolvidos com a facção. Ela representa um desdobramento de duas outras investigações - uma do tráfico de drogas e outras relacionada a crimes no bairro Santa Tereza. No local, foi encontrada a maior parte dos presos.



Segundo a polícia, o grupo do Sul de Minas tinha ligação direta com membros da unidade paulista. "Eles migraram parte para Minas Gerais, onde aqui praticavam o delito de tráfico de drogas e outros delitos patrimoniais, com violência e sem violência", explicou o delegado Thiago Bordini.



Todos envolvidos e o material apreendido foram levados para a delegacia de São Sebastião do Paraíso.



Veja Também