news:

Sul de Minas

Na BR-265, Sul de Minas, motorista inabilitado e embriagado bate carro

Publicado por TV Minas em 25/03/2018

foto_principal.jpg

O acidente aconteceu no perímetro urbano de Lavras, numa reta com redutores de velocidade e radar.

 

A relação álcool-volante revela dados alarmantes. Em cerca de 75% dos acidentes fatais nas ruas e rodovias de nosso país existe um motorista alcoolizado envolvido. O Brasil está no topo da lista de países com maior número de acidentes de trânsito no mundo, com um milhão de acidentes por ano. Resultam daí 300 mil vítimas, 50 mil mortes.

 

Esta estatística foi reafirmada com um acidente em Lavras, felizmente desta vez não teve morte, mas teve vítima com ferimentos. O motorista, um homem de 33 anos que provocou o acidente, além de dirigir embriagado pela rodovia, não era habilitado.

 

O acidente aconteceu no final da noite de sexta-feira, dia 23, no perímetro urbano de Lavras da rodovia BR-265, no trecho que corta o bairro Parque Bocaina, numa reta com redutores de velocidades e um radar que limita a velocidade naquele local.

 

O condutor estava em um Ford Fiesta com placas de Lavras e seguia sentido trevo do distrito industrial para o trevo da rodoviária e, no sentido contrário, transitava uma carreta Iveco, com placas de Extrema. O motorista da carreta contou que viu o Ford Fiesta vindo em sua direção, ele tentou desviar para evitar a colisão frontal, saindo para a direita, mas o motorista do Fiesta foi direto contra o eixo traseiro da carreta.

 

O Corpo de Bombeiros de Lavras foi acionado para resgatar o motorista do Fiesta que foi retirado das ferragens e apresentava fortes sinais de embriaguez alcoólica. Os bombeiros o levaram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu socorro médico e depois foi conduzido até a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Depol), onde foi ouvido e preso em flagrante por dirigir embriagado e não ser habilitado, colocando em risco sua vida e de terceiros.

O acidente aconteceu no perímetro urbano de Lavras, numa reta com redutores de velocidade e radar.


 


A relação álcool-volante revela dados alarmantes. Em cerca de 75% dos acidentes fatais nas ruas e rodovias de nosso país existe um motorista alcoolizado envolvido. O Brasil está no topo da lista de países com maior número de acidentes de trânsito no mundo, com um milhão de acidentes por ano. Resultam daí 300 mil vítimas, 50 mil mortes.


 


Esta estatística foi reafirmada com um acidente em Lavras, felizmente desta vez não teve morte, mas teve vítima com ferimentos. O motorista, um homem de 33 anos que provocou o acidente, além de dirigir embriagado pela rodovia, não era habilitado.


PATROCINADORES

 


O acidente aconteceu no final da noite de sexta-feira, dia 23, no perímetro urbano de Lavras da rodovia BR-265, no trecho que corta o bairro Parque Bocaina, numa reta com redutores de velocidades e um radar que limita a velocidade naquele local.


 


O condutor estava em um Ford Fiesta com placas de Lavras e seguia sentido trevo do distrito industrial para o trevo da rodoviária e, no sentido contrário, transitava uma carreta Iveco, com placas de Extrema. O motorista da carreta contou que viu o Ford Fiesta vindo em sua direção, ele tentou desviar para evitar a colisão frontal, saindo para a direita, mas o motorista do Fiesta foi direto contra o eixo traseiro da carreta.


 


O Corpo de Bombeiros de Lavras foi acionado para resgatar o motorista do Fiesta que foi retirado das ferragens e apresentava fortes sinais de embriaguez alcoólica. Os bombeiros o levaram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu socorro médico e depois foi conduzido até a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Depol), onde foi ouvido e preso em flagrante por dirigir embriagado e não ser habilitado, colocando em risco sua vida e de terceiros.


O acidente aconteceu no perímetro urbano de Lavras, numa reta com redutores de velocidade e radar.



A relação álcool-volante revela dados alarmantes. Em cerca de 75% dos acidentes fatais nas ruas e rodovias de nosso país existe um motorista alcoolizado envolvido. O Brasil está no topo da lista de países com maior número de acidentes de trânsito no mundo, com um milhão de acidentes por ano. Resultam daí 300 mil vítimas, 50 mil mortes.



Esta estatística foi reafirmada com um acidente em Lavras, felizmente desta vez não teve morte, mas teve vítima com ferimentos. O motorista, um homem de 33 anos que provocou o acidente, além de dirigir embriagado pela rodovia, não era habilitado.



PATROCINADORES

O acidente aconteceu no final da noite de sexta-feira, dia 23, no perímetro urbano de Lavras da rodovia BR-265, no trecho que corta o bairro Parque Bocaina, numa reta com redutores de velocidades e um radar que limita a velocidade naquele local.



O condutor estava em um Ford Fiesta com placas de Lavras e seguia sentido trevo do distrito industrial para o trevo da rodoviária e, no sentido contrário, transitava uma carreta Iveco, com placas de Extrema. O motorista da carreta contou que viu o Ford Fiesta vindo em sua direção, ele tentou desviar para evitar a colisão frontal, saindo para a direita, mas o motorista do Fiesta foi direto contra o eixo traseiro da carreta.



O Corpo de Bombeiros de Lavras foi acionado para resgatar o motorista do Fiesta que foi retirado das ferragens e apresentava fortes sinais de embriaguez alcoólica. Os bombeiros o levaram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu socorro médico e depois foi conduzido até a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Depol), onde foi ouvido e preso em flagrante por dirigir embriagado e não ser habilitado, colocando em risco sua vida e de terceiros.



Veja Também