news:

Notícias

PF apreende R$ 1,3 milhão em barras de ouro em Roraima

Publicado por TV Minas em 31/03/2018

foto_principal.jpg

Barras de ouro estavam na bagagem do passageiro que foi preso. Ele mora no Pará.

 

Polícia Federal (PF) apreendeu em Roraima, 12 barras de ouro no valor aproximado de R$ 1,3 milhão. As barras, com peso total de 8,9 quilos, estavam com um passageiro no aeroporto de Boa Vista. Ele foi preso em flagrante por crime contra a ordem econômica. Após interrogatório, ele foi conduzido para a audiência de custódia.

 

O preso, que é morador de Parauapebas, no Pará, tentava embarcar com as barras para Brasília. Ele confessou o crime, mas não detalhou a procedência do ouro apreendido em sua mala, nem se houve autorização para sua extração.


O homem, de 41 anos, foi encaminhado à penitenciária e está à disposição da Justiça Federal em Roraima.

Barras de ouro estavam na bagagem do passageiro que foi preso. Ele mora no Pará.


 


Polícia Federal (PF) apreendeu em Roraima, 12 barras de ouro no valor aproximado de R$ 1,3 milhão. As barras, com peso total de 8,9 quilos, estavam com um passageiro no aeroporto de Boa Vista. Ele foi preso em flagrante por crime contra a ordem econômica. Após interrogatório, ele foi conduzido para a audiência de custódia.


PATROCINADORES

 


O preso, que é morador de Parauapebas, no Pará, tentava embarcar com as barras para Brasília. Ele confessou o crime, mas não detalhou a procedência do ouro apreendido em sua mala, nem se houve autorização para sua extração.



O homem, de 41 anos, foi encaminhado à penitenciária e está à disposição da Justiça Federal em Roraima.


Barras de ouro estavam na bagagem do passageiro que foi preso. Ele mora no Pará.



Polícia Federal (PF) apreendeu em Roraima, 12 barras de ouro no valor aproximado de R$ 1,3 milhão. As barras, com peso total de 8,9 quilos, estavam com um passageiro no aeroporto de Boa Vista. Ele foi preso em flagrante por crime contra a ordem econômica. Após interrogatório, ele foi conduzido para a audiência de custódia.



O preso, que é morador de Parauapebas, no Pará, tentava embarcar com as barras para Brasília. Ele confessou o crime, mas não detalhou a procedência do ouro apreendido em sua mala, nem se houve autorização para sua extração.



PATROCINADORES


O homem, de 41 anos, foi encaminhado à penitenciária e está à disposição da Justiça Federal em Roraima.



Veja Também