news:

Sul de Minas

Projeto que recolhe lixo eletrônico passa por cidades no Sul de Minas

Publicado por TV Minas em 15/06/2018

foto_principal.jpg

Matéria extraída do G1

 

Ações já foram realizadas em São Lourenço e Jacutinga. Em Varginha, a coleta acontece nesta sexta-feira.

 

O projeto “Lixo Eletrônico: Não Descarte Essa Ideia” promove a coleta de equipamentos eletroeletrônicos para reciclagem e passa por sete cidades no Sul de Minas. As ações do projeto já aconteceram em Jacutinga e São Lourenço e nesta sexta-feira (15) seguem para Varginha.

 

Em Varginha, o lixo pode ser entregue na Praça do ET, das 9h às 15h. Os primeiros a entregarem o lixo recebem um brinde da organização. A campanha deve passar ainda por Ipuiúna no dia 21 de junho. No mês de julho, o projeto vai até as cidades de Bom Repouso no dia 5, Aiuruoca no dia 6 e Baependi no dia 20.

 

A iniciativa é do Inatel CasaViva e acontece desde 2008. A intenção do projeto é evitar que os equipamentos tenham um descarte indevido e causem danos ao meio ambiente. Podem ser entregues monitores de computadores, celulares, baterias e pilhas, computadores, carregadores, mouses, televisores, câmeras fotográficas e impressoras, entre outros.

 

Alguns equipamentos não podem ser recolhidos, como televisores e monitores de tubos abertos ou quebrados e lâmpadas fluorescentes. Após a coleta dos materiais, a equipe da CasaViva realiza uma triagem e envia para reciclagem. Outras informações estão disponíves no site do projeto.

Matéria extraída do G1


 


Ações já foram realizadas em São Lourenço e Jacutinga. Em Varginha, a coleta acontece nesta sexta-feira.


 


O projeto “Lixo Eletrônico: Não Descarte Essa Ideia” promove a coleta de equipamentos eletroeletrônicos para reciclagem e passa por sete cidades no Sul de Minas. As ações do projeto já aconteceram em Jacutinga e São Lourenço e nesta sexta-feira (15) seguem para Varginha.


PATROCINADORES

 


Em Varginha, o lixo pode ser entregue na Praça do ET, das 9h às 15h. Os primeiros a entregarem o lixo recebem um brinde da organização. A campanha deve passar ainda por Ipuiúna no dia 21 de junho. No mês de julho, o projeto vai até as cidades de Bom Repouso no dia 5, Aiuruoca no dia 6 e Baependi no dia 20.


 


A iniciativa é do Inatel CasaViva e acontece desde 2008. A intenção do projeto é evitar que os equipamentos tenham um descarte indevido e causem danos ao meio ambiente. Podem ser entregues monitores de computadores, celulares, baterias e pilhas, computadores, carregadores, mouses, televisores, câmeras fotográficas e impressoras, entre outros.


 


Alguns equipamentos não podem ser recolhidos, como televisores e monitores de tubos abertos ou quebrados e lâmpadas fluorescentes. Após a coleta dos materiais, a equipe da CasaViva realiza uma triagem e envia para reciclagem. Outras informações estão disponíves no site do projeto.


Matéria extraída do G1



Ações já foram realizadas em São Lourenço e Jacutinga. Em Varginha, a coleta acontece nesta sexta-feira.



O projeto “Lixo Eletrônico: Não Descarte Essa Ideia” promove a coleta de equipamentos eletroeletrônicos para reciclagem e passa por sete cidades no Sul de Minas. As ações do projeto já aconteceram em Jacutinga e São Lourenço e nesta sexta-feira (15) seguem para Varginha.



PATROCINADORES

Em Varginha, o lixo pode ser entregue na Praça do ET, das 9h às 15h. Os primeiros a entregarem o lixo recebem um brinde da organização. A campanha deve passar ainda por Ipuiúna no dia 21 de junho. No mês de julho, o projeto vai até as cidades de Bom Repouso no dia 5, Aiuruoca no dia 6 e Baependi no dia 20.



A iniciativa é do Inatel CasaViva e acontece desde 2008. A intenção do projeto é evitar que os equipamentos tenham um descarte indevido e causem danos ao meio ambiente. Podem ser entregues monitores de computadores, celulares, baterias e pilhas, computadores, carregadores, mouses, televisores, câmeras fotográficas e impressoras, entre outros.



Alguns equipamentos não podem ser recolhidos, como televisores e monitores de tubos abertos ou quebrados e lâmpadas fluorescentes. Após a coleta dos materiais, a equipe da CasaViva realiza uma triagem e envia para reciclagem. Outras informações estão disponíves no site do projeto.



Veja Também