news:

Esporte

Tudo sobre o terceiro dia do Mundial da Rússia

Publicado por TV Minas em 16/06/2018

535480991.jpg

Confira o que de melhor aconteceu na competição e as histórias mais curiosas.

 

O terceiro dia da Copa do Mundo da Rússia 2018 foi um dia histórico. Pela primeira vez na história do Mundial, o VAR foi utilizado e os árbitros marcaram dois pênaltis depois de ver o replay das jogadas em vídeo e ainda um gol da França foi validado graças ao chip na bola. A poderosa Argentina deu vexame e só empatou com a novata Islândia, que fez seu primeiro jogo em Copas e viu o astro Lionel Messi perder um pênalti. Quem também falhou na penalidade foi o são-paulino Cueva, em jogo da seleção peruana contra a Dinamarca.  

 

 

Messi perde pênalti e Argentina dá vexame

 

A primeira zebra da Copa do Mundo saiu no jogo da Argentina. A bicampeã do mundo, liderada por Messi, não conseguiu superar a estreante Islândia e apenas empatou por 1 a 1 na Arena Otkrytie, em Moscou. Sob o olhar de Diego Maradona, que estava nas tribunas e fumou um charuto no local mesmo sendo proibido, Messi perdeu um pênalti, que foi defendido pelo goleiro Halldorsson - o nome do jogo. Como esperado, não faltaram memes para tirar sarro da seleção argentina. A torcida da Islândia contou com uma ajuda especial na torcida. 

 

 

VAR faz a diferença

 

A seleção francesa esteve longe de fazer jus ao status de favorita, neste sábado, mas iniciou sua trajetória na Copa do Mundo da Rússia com vitória. Em um duelo muito mais difícil do que esperava, pela abertura do Grupo C, o jovem time francês sofreu para superar a Austrália por 2 a 1, em Kazan, em jogo marcado pela utilização de tecnologias em campo e o uso do VAR pela primeira vez na história das Copas.

 

 

Cueva repete Messi

 

A seleção peruana não disputava uma Copa do Mundo há 36 anos e o retorno foi o pior possível. Com direito a Christian Cueva, jogador do São Paulo, chutar uma bola por cima do gol e perder um pênalti, o Peru foi derrotado por 1 a 0 pela Dinamarca e viu o meia ser satirizado nas redes. A expectativa dos torcedores peruanos era grande, tanto que eles eram a maioria presente no estádio. Mas em campo, a Dinamarca aproveitou um contra-ataque e venceu a partida na Arena Mordovia, em Saransk, pela primeira rodada do Grupo C da Copa do Mundo.

 

 

Modric ensina como faz

 

No último jogo do dia, a Croácia derrotou a Nigéria por 2 a 0. Ao contrário de Cueva e Messi, Modric não decepcionou e bateu com estilo o pênalti para garantir o segundo gol croata.

Confira o que de melhor aconteceu na competição e as histórias mais curiosas.


 


O terceiro dia da Copa do Mundo da Rússia 2018 foi um dia histórico. Pela primeira vez na história do Mundial, o VAR foi utilizado e os árbitros marcaram dois pênaltis depois de ver o replay das jogadas em vídeo e ainda um gol da França foi validado graças ao chip na bola. A poderosa Argentina deu vexame e só empatou com a novata Islândia, que fez seu primeiro jogo em Copas e viu o astro Lionel Messi perder um pênalti. Quem também falhou na penalidade foi o são-paulino Cueva, em jogo da seleção peruana contra a Dinamarca.  


 


 


Messi perde pênalti e Argentina dá vexame


 


A primeira zebra da Copa do Mundo saiu no jogo da Argentina. A bicampeã do mundo, liderada por Messi, não conseguiu superar a estreante Islândia e apenas empatou por 1 a 1 na Arena Otkrytie, em Moscou. Sob o olhar de Diego Maradona, que estava nas tribunas e fumou um charuto no local mesmo sendo proibido, Messi perdeu um pênalti, que foi defendido pelo goleiro Halldorsson - o nome do jogo. Como esperado, não faltaram memes para tirar sarro da seleção argentina. A torcida da Islândia contou com uma ajuda especial na torcida. 


 


 


VAR faz a diferença


PATROCINADORES

 


A seleção francesa esteve longe de fazer jus ao status de favorita, neste sábado, mas iniciou sua trajetória na Copa do Mundo da Rússia com vitória. Em um duelo muito mais difícil do que esperava, pela abertura do Grupo C, o jovem time francês sofreu para superar a Austrália por 2 a 1, em Kazan, em jogo marcado pela utilização de tecnologias em campo e o uso do VAR pela primeira vez na história das Copas.


 


 


Cueva repete Messi


 


A seleção peruana não disputava uma Copa do Mundo há 36 anos e o retorno foi o pior possível. Com direito a Christian Cueva, jogador do São Paulo, chutar uma bola por cima do gol e perder um pênalti, o Peru foi derrotado por 1 a 0 pela Dinamarca e viu o meia ser satirizado nas redes. A expectativa dos torcedores peruanos era grande, tanto que eles eram a maioria presente no estádio. Mas em campo, a Dinamarca aproveitou um contra-ataque e venceu a partida na Arena Mordovia, em Saransk, pela primeira rodada do Grupo C da Copa do Mundo.


 


 


Modric ensina como faz


 


No último jogo do dia, a Croácia derrotou a Nigéria por 2 a 0. Ao contrário de Cueva e Messi, Modric não decepcionou e bateu com estilo o pênalti para garantir o segundo gol croata.


Confira o que de melhor aconteceu na competição e as histórias mais curiosas.



O terceiro dia da Copa do Mundo da Rússia 2018 foi um dia histórico. Pela primeira vez na história do Mundial, o VAR foi utilizado e os árbitros marcaram dois pênaltis depois de ver o replay das jogadas em vídeo e ainda um gol da França foi validado graças ao chip na bola. A poderosa Argentina deu vexame e só empatou com a novata Islândia, que fez seu primeiro jogo em Copas e viu o astro Lionel Messi perder um pênalti. Quem também falhou na penalidade foi o são-paulino Cueva, em jogo da seleção peruana contra a Dinamarca.  



Messi perde pênalti e Argentina dá vexame



PATROCINADORES

A primeira zebra da Copa do Mundo saiu no jogo da Argentina. A bicampeã do mundo, liderada por Messi, não conseguiu superar a estreante Islândia e apenas empatou por 1 a 1 na Arena Otkrytie, em Moscou. Sob o olhar de Diego Maradona, que estava nas tribunas e fumou um charuto no local mesmo sendo proibido, Messi perdeu um pênalti, que foi defendido pelo goleiro Halldorsson - o nome do jogo. Como esperado, não faltaram memes para tirar sarro da seleção argentina. A torcida da Islândia contou com uma ajuda especial na torcida. 



VAR faz a diferença



A seleção francesa esteve longe de fazer jus ao status de favorita, neste sábado, mas iniciou sua trajetória na Copa do Mundo da Rússia com vitória. Em um duelo muito mais difícil do que esperava, pela abertura do Grupo C, o jovem time francês sofreu para superar a Austrália por 2 a 1, em Kazan, em jogo marcado pela utilização de tecnologias em campo e o uso do VAR pela primeira vez na história das Copas.



PATROCINADORES

Cueva repete Messi



A seleção peruana não disputava uma Copa do Mundo há 36 anos e o retorno foi o pior possível. Com direito a Christian Cueva, jogador do São Paulo, chutar uma bola por cima do gol e perder um pênalti, o Peru foi derrotado por 1 a 0 pela Dinamarca e viu o meia ser satirizado nas redes. A expectativa dos torcedores peruanos era grande, tanto que eles eram a maioria presente no estádio. Mas em campo, a Dinamarca aproveitou um contra-ataque e venceu a partida na Arena Mordovia, em Saransk, pela primeira rodada do Grupo C da Copa do Mundo.



Modric ensina como faz



No último jogo do dia, a Croácia derrotou a Nigéria por 2 a 0. Ao contrário de Cueva e Messi, Modric não decepcionou e bateu com estilo o pênalti para garantir o segundo gol croata.



Veja Também