news:

Sul de Minas

Dois ônibus são queimados em ataques no Sul de Minas

Publicado por TV Minas em 26/06/2018

foto_principal.jpeg

Matéria extraída do G1

 

Criminosos agiram de madrugada e durante a manhã desta terça-feira (26). Polícia Militar realiza busca pelos suspeitos.

 

Entre a madrugada e a manhã desta terça-feira (26), a cidade de Elói Mendes registrou dois ataques a ônibus. Os dois veículos queimados ficam no mesmo local, a garagem de uma empresa, e foram atacados em horas diferentes.

 

A garagem fica no bairro Vila Freitas. De madrugada, na primeira ação, criminosos invadiram o local e atearam fogo em um ônibus. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi chamada e as chamas não se espalharam. Houve pequenos danos ao veículo.

 

O maior ataque foi durante a manhã, quando um grupo voltou a incendiar ônibus no mesmo local. No novo crime, os criminosos conseguiram atear fogo em um deles e as chamas se espalharam por outro veículo.

 

O fogo e a fumaça chamaram atenção e o Corpo de Bombeiros voltou ao local. Os dois ônibus ficaram completamente destruídos.

 

Ninguém se feriu em nenhum dos ataques e nenhum suspeito foi visto. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso. A Polícia Militar segue nas buscas pelos suspeitos.

 

 

Ataques em Minas Gerais

 

Desde o dia 3 de junho, quando ataques a ônibus começaram a ser registrados em Minas Gerais, é a primeira vez que Elói Mendes é alvo dos ataques. Com isso, sobe para 23 o número de cidades na região com algum tipo de ataques a ônibus, outros veículos ou imóveis.

 

Em todo o estado, já são 116 ataques - sendo 71 ônibus incendiados - em 43 cidades. Os casos são apurados, e o governo afirma que ordens para ataques têm partido de facção criminosa, que está insatisfeita com o rigor no sistema prisional.

Matéria extraída do G1


 


Criminosos agiram de madrugada e durante a manhã desta terça-feira (26). Polícia Militar realiza busca pelos suspeitos.


 


Entre a madrugada e a manhã desta terça-feira (26), a cidade de Elói Mendes registrou dois ataques a ônibus. Os dois veículos queimados ficam no mesmo local, a garagem de uma empresa, e foram atacados em horas diferentes.


 


A garagem fica no bairro Vila Freitas. De madrugada, na primeira ação, criminosos invadiram o local e atearam fogo em um ônibus. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi chamada e as chamas não se espalharam. Houve pequenos danos ao veículo.


 


O maior ataque foi durante a manhã, quando um grupo voltou a incendiar ônibus no mesmo local. No novo crime, os criminosos conseguiram atear fogo em um deles e as chamas se espalharam por outro veículo.


 


PATROCINADORES

O fogo e a fumaça chamaram atenção e o Corpo de Bombeiros voltou ao local. Os dois ônibus ficaram completamente destruídos.


 


Ninguém se feriu em nenhum dos ataques e nenhum suspeito foi visto. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso. A Polícia Militar segue nas buscas pelos suspeitos.


 


 


Ataques em Minas Gerais


 


Desde o dia 3 de junho, quando ataques a ônibus começaram a ser registrados em Minas Gerais, é a primeira vez que Elói Mendes é alvo dos ataques. Com isso, sobe para 23 o número de cidades na região com algum tipo de ataques a ônibus, outros veículos ou imóveis.


 


Em todo o estado, já são 116 ataques - sendo 71 ônibus incendiados - em 43 cidades. Os casos são apurados, e o governo afirma que ordens para ataques têm partido de facção criminosa, que está insatisfeita com o rigor no sistema prisional.


Matéria extraída do G1



Criminosos agiram de madrugada e durante a manhã desta terça-feira (26). Polícia Militar realiza busca pelos suspeitos.



Entre a madrugada e a manhã desta terça-feira (26), a cidade de Elói Mendes registrou dois ataques a ônibus. Os dois veículos queimados ficam no mesmo local, a garagem de uma empresa, e foram atacados em horas diferentes.



PATROCINADORES

A garagem fica no bairro Vila Freitas. De madrugada, na primeira ação, criminosos invadiram o local e atearam fogo em um ônibus. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi chamada e as chamas não se espalharam. Houve pequenos danos ao veículo.



O maior ataque foi durante a manhã, quando um grupo voltou a incendiar ônibus no mesmo local. No novo crime, os criminosos conseguiram atear fogo em um deles e as chamas se espalharam por outro veículo.



O fogo e a fumaça chamaram atenção e o Corpo de Bombeiros voltou ao local. Os dois ônibus ficaram completamente destruídos.



PATROCINADORES

Ninguém se feriu em nenhum dos ataques e nenhum suspeito foi visto. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso. A Polícia Militar segue nas buscas pelos suspeitos.



Ataques em Minas Gerais



Desde o dia 3 de junho, quando ataques a ônibus começaram a ser registrados em Minas Gerais, é a primeira vez que Elói Mendes é alvo dos ataques. Com isso, sobe para 23 o número de cidades na região com algum tipo de ataques a ônibus, outros veículos ou imóveis.



Em todo o estado, já são 116 ataques - sendo 71 ônibus incendiados - em 43 cidades. Os casos são apurados, e o governo afirma que ordens para ataques têm partido de facção criminosa, que está insatisfeita com o rigor no sistema prisional.



Veja Também