news:

Sul de Minas

Assaltante coloca taxista no porta-malas e capota carro ao fugir em MG

Publicado por TV Minas em 27/06/2018

foto_principal.jpg

Matéria extraída do G1

 

Após acidente, homem fugiu pelo matagal; polícia já tem suspeito do crime.

 

Um taxista de 70 anos viveu momentos de pânico durante um assalto nesta terça-feira (26) em Varginha. Ele foi rendido e obrigado a entrar no porta-malas do próprio táxi. Durante a ação, o assaltante ainda bateu o carro e foi parar no meio do mato.

 

"Me rendeu com a faca e passou para o porta-malas, em seguida ele pegou o volante e veio de imediato, muito rápido, ele só mandava eu baixar a cabeça", disse o taxista Jair Cândido Flausino.

 

Depois de perder o controle do carro e bater, o assaltante fugiu pelo mato. Ele deixou para trás a faca que usou para render o idoso, um capacete e uma camisa. A polícia já tem um suspeito da ação.

 

"Ele deu quase certeza de uma apresentação que nós fizemos a ele, agora o pessoal está no encalço do suspeito. Ele tem várias passagens por tráfico de drogas e furto mesmo", disse o subtenente da Polícia Militar, Vanderlei Santos de Souza.

 

O celular do taxista e R$ 300 foram levados pelo assaltante. Esta foi a segunda vez que o taxista foi assaltado em 18 anos de trabalho. 

 

 

Veja também: Suspeito de assaltar e capotar carro de taxista é preso no Sul de Minas

Matéria extraída do G1


 


Após acidente, homem fugiu pelo matagal; polícia já tem suspeito do crime.


 


Um taxista de 70 anos viveu momentos de pânico durante um assalto nesta terça-feira (26) em Varginha. Ele foi rendido e obrigado a entrar no porta-malas do próprio táxi. Durante a ação, o assaltante ainda bateu o carro e foi parar no meio do mato.


 


"Me rendeu com a faca e passou para o porta-malas, em seguida ele pegou o volante e veio de imediato, muito rápido, ele só mandava eu baixar a cabeça", disse o taxista Jair Cândido Flausino.


 


PATROCINADORES

Depois de perder o controle do carro e bater, o assaltante fugiu pelo mato. Ele deixou para trás a faca que usou para render o idoso, um capacete e uma camisa. A polícia já tem um suspeito da ação.


 


"Ele deu quase certeza de uma apresentação que nós fizemos a ele, agora o pessoal está no encalço do suspeito. Ele tem várias passagens por tráfico de drogas e furto mesmo", disse o subtenente da Polícia Militar, Vanderlei Santos de Souza.


 


O celular do taxista e R$ 300 foram levados pelo assaltante. Esta foi a segunda vez que o taxista foi assaltado em 18 anos de trabalho. 


 


 


Veja também: Suspeito de assaltar e capotar carro de taxista é preso no Sul de Minas


Matéria extraída do G1



Após acidente, homem fugiu pelo matagal; polícia já tem suspeito do crime.



Um taxista de 70 anos viveu momentos de pânico durante um assalto nesta terça-feira (26) em Varginha. Ele foi rendido e obrigado a entrar no porta-malas do próprio táxi. Durante a ação, o assaltante ainda bateu o carro e foi parar no meio do mato.



PATROCINADORES

"Me rendeu com a faca e passou para o porta-malas, em seguida ele pegou o volante e veio de imediato, muito rápido, ele só mandava eu baixar a cabeça", disse o taxista Jair Cândido Flausino.



Depois de perder o controle do carro e bater, o assaltante fugiu pelo mato. Ele deixou para trás a faca que usou para render o idoso, um capacete e uma camisa. A polícia já tem um suspeito da ação.



PATROCINADORES

"Ele deu quase certeza de uma apresentação que nós fizemos a ele, agora o pessoal está no encalço do suspeito. Ele tem várias passagens por tráfico de drogas e furto mesmo", disse o subtenente da Polícia Militar, Vanderlei Santos de Souza.



O celular do taxista e R$ 300 foram levados pelo assaltante. Esta foi a segunda vez que o taxista foi assaltado em 18 anos de trabalho. 



Veja também: Suspeito de assaltar e capotar carro de taxista é preso no Sul de Minas



Veja Também