news:

Sul de Minas

Empresário é preso suspeito de aplicar golpe de R$ 1 milhão em Santa Casa

Publicado por TV Minas em 26/07/2018

foto_principal.jpg

Matéria extraída do G1

 

Conforme a polícia, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas entregava cilindros vazios.

 

A Polícia Civil de Passos prendeu na manhã desta quinta-feira (26) um empresário suspeito de aplicar um golpe de cerca de R$ 1 milhão na Santa Casa de Misericórdia da cidade. Segundo o delegado responsável pelo caso, Felipe Capute, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas na entrega dos cilindros, alguns eram entregues vazios.

 

Com o empresário, a polícia apreendeu cinco veículos, além de joias e R$ 7 mil em dinheiro. Conforme a polícia, os desvios acontecem há pelo menos 9 anos. Segundo a polícia, o homem recebia os cilindros de um fornecedor, trocava os lacres, recebia pelo produto, mas entregava uma quantidade menor.

 

Um funcionário da Santa Casa que teria envolvimento no golpe, já foi identificado e deverá ser indiciado.

 

O empresário foi levado para a delegacia da cidade e deverá ser transferido pra o presídio.

Matéria extraída do G1


 


Conforme a polícia, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas entregava cilindros vazios.


 


A Polícia Civil de Passos prendeu na manhã desta quinta-feira (26) um empresário suspeito de aplicar um golpe de cerca de R$ 1 milhão na Santa Casa de Misericórdia da cidade. Segundo o delegado responsável pelo caso, Felipe Capute, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas na entrega dos cilindros, alguns eram entregues vazios.


PATROCINADORES

 


Com o empresário, a polícia apreendeu cinco veículos, além de joias e R$ 7 mil em dinheiro. Conforme a polícia, os desvios acontecem há pelo menos 9 anos. Segundo a polícia, o homem recebia os cilindros de um fornecedor, trocava os lacres, recebia pelo produto, mas entregava uma quantidade menor.


 


Um funcionário da Santa Casa que teria envolvimento no golpe, já foi identificado e deverá ser indiciado.


 


O empresário foi levado para a delegacia da cidade e deverá ser transferido pra o presídio.


Matéria extraída do G1



Conforme a polícia, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas entregava cilindros vazios.



A Polícia Civil de Passos prendeu na manhã desta quinta-feira (26) um empresário suspeito de aplicar um golpe de cerca de R$ 1 milhão na Santa Casa de Misericórdia da cidade. Segundo o delegado responsável pelo caso, Felipe Capute, o empresário fornecia oxigênio para o hospital, mas na entrega dos cilindros, alguns eram entregues vazios.



PATROCINADORES

Com o empresário, a polícia apreendeu cinco veículos, além de joias e R$ 7 mil em dinheiro. Conforme a polícia, os desvios acontecem há pelo menos 9 anos. Segundo a polícia, o homem recebia os cilindros de um fornecedor, trocava os lacres, recebia pelo produto, mas entregava uma quantidade menor.



Um funcionário da Santa Casa que teria envolvimento no golpe, já foi identificado e deverá ser indiciado.



O empresário foi levado para a delegacia da cidade e deverá ser transferido pra o presídio.



Veja Também