news:

Sul de Minas

Homem agrediu companheira e a deixou gravemente ferida no Sul de Minas

Publicado por TV Minas em 18/08/2018

foto_principal.jpg

Mulher de 26 anos foi agredida por companheiro de 31 na zona rural de Santo Antônio do Amparo.

 

A Polícia Militar de Campo Belo foi acionada para comparecer a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) daquela cidade, pois havia dado entrada uma mulher vítima de agressões.

 

A PM foi até o local e tomou conhecimento que a mulher, residente na zona rural de Santo Antônio do Amparo, havia sofrido violência doméstica e devido à gravidade de seu estado de saúde, foi levada para Campo Belo e o suposto autor da agressão era o seu companheiro.

 

A vítima, de 26 anos, se encontrava em estado grave de saúde, depois de ter sido agredida fisicamente. Ela apresentava traumatismo craniano e perfurações no tórax proveniente de faca. Seu companheiro, de 31 anos, está foragido.

 

O crime aconteceu na zona rural conhecida como "Calugi", município de Santo Antônio do Amparo, na divisa com o município de Santana do Jacaré. A proximidade de Campo Belo fez com que ela fosse levada às pressas para aquela cidade.

 

Este foi o segundo caso de agressão contra mulheres na região nos últimos dias: no dia 12, uma mulher de 24 anos quase morreu vítima da violência dentro de casa, depois que seu companheiro, de 31 anos, a golpeou com faca perfurando seu pulmão.

Mulher de 26 anos foi agredida por companheiro de 31 na zona rural de Santo Antônio do Amparo.


 


A Polícia Militar de Campo Belo foi acionada para comparecer a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) daquela cidade, pois havia dado entrada uma mulher vítima de agressões.


 


A PM foi até o local e tomou conhecimento que a mulher, residente na zona rural de Santo Antônio do Amparo, havia sofrido violência doméstica e devido à gravidade de seu estado de saúde, foi levada para Campo Belo e o suposto autor da agressão era o seu companheiro.


PATROCINADORES

 


A vítima, de 26 anos, se encontrava em estado grave de saúde, depois de ter sido agredida fisicamente. Ela apresentava traumatismo craniano e perfurações no tórax proveniente de faca. Seu companheiro, de 31 anos, está foragido.


 


O crime aconteceu na zona rural conhecida como "Calugi", município de Santo Antônio do Amparo, na divisa com o município de Santana do Jacaré. A proximidade de Campo Belo fez com que ela fosse levada às pressas para aquela cidade.


 


Este foi o segundo caso de agressão contra mulheres na região nos últimos dias: no dia 12, uma mulher de 24 anos quase morreu vítima da violência dentro de casa, depois que seu companheiro, de 31 anos, a golpeou com faca perfurando seu pulmão.


Mulher de 26 anos foi agredida por companheiro de 31 na zona rural de Santo Antônio do Amparo.



A Polícia Militar de Campo Belo foi acionada para comparecer a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) daquela cidade, pois havia dado entrada uma mulher vítima de agressões.



A PM foi até o local e tomou conhecimento que a mulher, residente na zona rural de Santo Antônio do Amparo, havia sofrido violência doméstica e devido à gravidade de seu estado de saúde, foi levada para Campo Belo e o suposto autor da agressão era o seu companheiro.



PATROCINADORES

A vítima, de 26 anos, se encontrava em estado grave de saúde, depois de ter sido agredida fisicamente. Ela apresentava traumatismo craniano e perfurações no tórax proveniente de faca. Seu companheiro, de 31 anos, está foragido.



O crime aconteceu na zona rural conhecida como "Calugi", município de Santo Antônio do Amparo, na divisa com o município de Santana do Jacaré. A proximidade de Campo Belo fez com que ela fosse levada às pressas para aquela cidade.



Este foi o segundo caso de agressão contra mulheres na região nos últimos dias: no dia 12, uma mulher de 24 anos quase morreu vítima da violência dentro de casa, depois que seu companheiro, de 31 anos, a golpeou com faca perfurando seu pulmão.



Veja Também