news:

Sul de Minas

Dados mostram que ao menos 18 crianças sofreram abuso sexual em Poços

Publicado por TV Minas em 20/09/2018

foto_principal.jpg

A Delegacia Especializada pelo atendimento a mulher da cidade de Poços de Caldas informou um dado preocupante: pelo menos 18 crianças sofreram abuso sexual somente este ano, na cidade, o que corresponde a mais de dois por mês.

 

De acordo com informações da Delegada que investiga esse tipo de crime, esses abusos costumam acontecer dentro da casa da vítima, por parentes próximos como padrastos, irmãos, primo ou um vizinho. Estar atento ao que acontece dentro da própria casa e a postura da criança é primordial para descobrir e ajudar as vítimas desse tipo de crime.

 

Além da preocupação com esses dados, outro fator que chama a atenção é que alguns dos suspeitos de cometerem esses crimes são adolescente ou jovens. É o caso do adolescente de 17 anos, um dos últimos suspeitos, que foi apreendido depois de estuprar a namorada dele, uma menina de apenas 13 anos. 

 

Apesar dos abusos acontecerem geralmente por pessoas próximas da família, é fundamental que seja feito denúncia. Quem pratica esse tipo de ato, também é um criminosos e precisa pagar pelo crime que cometeu. Caso algum leitor tenha conhecimento de crimes assim ou seja vítima deles, ligue para o 181 e denuncie.

A Delegacia Especializada pelo atendimento a mulher da cidade de Poços de Caldas informou um dado preocupante: pelo menos 18 crianças sofreram abuso sexual somente este ano, na cidade, o que corresponde a mais de dois por mês.


 


De acordo com informações da Delegada que investiga esse tipo de crime, esses abusos costumam acontecer dentro da casa da vítima, por parentes próximos como padrastos, irmãos, primo ou um vizinho. Estar atento ao que acontece dentro da própria casa e a postura da criança é primordial para descobrir e ajudar as vítimas desse tipo de crime.


PATROCINADORES

 


Além da preocupação com esses dados, outro fator que chama a atenção é que alguns dos suspeitos de cometerem esses crimes são adolescente ou jovens. É o caso do adolescente de 17 anos, um dos últimos suspeitos, que foi apreendido depois de estuprar a namorada dele, uma menina de apenas 13 anos. 


 


Apesar dos abusos acontecerem geralmente por pessoas próximas da família, é fundamental que seja feito denúncia. Quem pratica esse tipo de ato, também é um criminosos e precisa pagar pelo crime que cometeu. Caso algum leitor tenha conhecimento de crimes assim ou seja vítima deles, ligue para o 181 e denuncie.


A Delegacia Especializada pelo atendimento a mulher da cidade de Poços de Caldas informou um dado preocupante: pelo menos 18 crianças sofreram abuso sexual somente este ano, na cidade, o que corresponde a mais de dois por mês.



De acordo com informações da Delegada que investiga esse tipo de crime, esses abusos costumam acontecer dentro da casa da vítima, por parentes próximos como padrastos, irmãos, primo ou um vizinho. Estar atento ao que acontece dentro da própria casa e a postura da criança é primordial para descobrir e ajudar as vítimas desse tipo de crime.



Além da preocupação com esses dados, outro fator que chama a atenção é que alguns dos suspeitos de cometerem esses crimes são adolescente ou jovens. É o caso do adolescente de 17 anos, um dos últimos suspeitos, que foi apreendido depois de estuprar a namorada dele, uma menina de apenas 13 anos. 



PATROCINADORES

Apesar dos abusos acontecerem geralmente por pessoas próximas da família, é fundamental que seja feito denúncia. Quem pratica esse tipo de ato, também é um criminosos e precisa pagar pelo crime que cometeu. Caso algum leitor tenha conhecimento de crimes assim ou seja vítima deles, ligue para o 181 e denuncie.



Veja Também