news:

Sul de Minas

Polícia identifica suspeitos de matar homem encontrado em carro incendiado

Publicado por TV Minas em 21/09/2018

foto_principal.jpg

Vítima também teve identidade revelada. Cunhado seria um dos autores do crime.

 

O principal suspeito de matar um homem encontrado dentro de um veículo incendiado na última quarta-feira foi identificado pela Polícia Civil. Cunhado da vítima é apontado como autor do homicídio. 

 

Segundo a polícia, o principal suspeito de ter matado o cafeicultor Geraldo Avelino Gonçalves, de 59 anos, seria o irmão da namorada dele, que está foragido. Além dele, outras duas pessoas (que já estão presas) teriam participado do crime. 

 

O crime teria acontecido após o cunhado planejar roubar a vítima juntamente com dois comparsas. O roubo que se daria no sítio da vítima teria dados errado e acabado resultando em morte. 

 

O corpo de Geraldo foi encontrado dentro de uma carro abandonado incendiado em uma estrada rural que liga Campestre a Poço Fundo. Os dois suspeitos presos foram encaminhados para o presídio de Machado e vão responder por latrocínio.

Vítima também teve identidade revelada. Cunhado seria um dos autores do crime.


 


O principal suspeito de matar um homem encontrado dentro de um veículo incendiado na última quarta-feira foi identificado pela Polícia Civil. Cunhado da vítima é apontado como autor do homicídio. 


 


PATROCINADORES

Segundo a polícia, o principal suspeito de ter matado o cafeicultor Geraldo Avelino Gonçalves, de 59 anos, seria o irmão da namorada dele, que está foragido. Além dele, outras duas pessoas (que já estão presas) teriam participado do crime. 


 


O crime teria acontecido após o cunhado planejar roubar a vítima juntamente com dois comparsas. O roubo que se daria no sítio da vítima teria dados errado e acabado resultando em morte. 


 


O corpo de Geraldo foi encontrado dentro de uma carro abandonado incendiado em uma estrada rural que liga Campestre a Poço Fundo. Os dois suspeitos presos foram encaminhados para o presídio de Machado e vão responder por latrocínio.


Vítima também teve identidade revelada. Cunhado seria um dos autores do crime.



O principal suspeito de matar um homem encontrado dentro de um veículo incendiado na última quarta-feira foi identificado pela Polícia Civil. Cunhado da vítima é apontado como autor do homicídio. 



Segundo a polícia, o principal suspeito de ter matado o cafeicultor Geraldo Avelino Gonçalves, de 59 anos, seria o irmão da namorada dele, que está foragido. Além dele, outras duas pessoas (que já estão presas) teriam participado do crime. 



PATROCINADORES

O crime teria acontecido após o cunhado planejar roubar a vítima juntamente com dois comparsas. O roubo que se daria no sítio da vítima teria dados errado e acabado resultando em morte. 



O corpo de Geraldo foi encontrado dentro de uma carro abandonado incendiado em uma estrada rural que liga Campestre a Poço Fundo. Os dois suspeitos presos foram encaminhados para o presídio de Machado e vão responder por latrocínio.



Veja Também