news:

Sul de Minas

Rapaz escala igreja em São João del-Rei, cai e arranca pedaço da escultura

Publicado por TV Minas em 22/10/2018

foto_principal.jpg

Ele deverá ser responsabilizado pelo vandalismo ao patrimônio histórico de São João del-Rei.

 

Um rapaz de 21 anos arrancou uma parte de uma escultura histórica em pedra-sabão ao cair do alto da igreja Nossa Senhora do Carmo, no centro histórico de São João del-Rei, no Campo das Vertentes. O acidente aconteceu na madrugada de ontem, domingo dia 21.

 

Segundo a Polícia Militar, Caio Kiyoshi Chaves Watanabe escalou a fachada do templo que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Segundo um amigo do rapaz contou aos militares, ele o advertiu diversas vezes para que não escalasse, ressaltando que ele poderia não só machucar como danificar o patrimônio, mas ele não deu atenção e subiu.

 

A obra vandalizada é um anjo esculpido em pedra-sabão que fica no frontispício do templo, o rapaz agarrou no braço da imagem que quebrou. Ele caiu de uma altura de cerca de seis metros, foi atendido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado à Santa Casa de Misericórdia de São João del-Rei, onde, segundo a PM, deve ficar internado pelos próximos quatro dias.

 

A parte da peça que foi quebrada foi recolhida e guardada dentro da igreja. Peritos e técnicos do Iphan foram chamados ao local e o rapaz deverá ser responsabilizado pelo dano, pois a igreja tem a edificação e o acervo tombados em nível federal, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). 

Ele deverá ser responsabilizado pelo vandalismo ao patrimônio histórico de São João del-Rei.


 


Um rapaz de 21 anos arrancou uma parte de uma escultura histórica em pedra-sabão ao cair do alto da igreja Nossa Senhora do Carmo, no centro histórico de São João del-Rei, no Campo das Vertentes. O acidente aconteceu na madrugada de ontem, domingo dia 21.


 


PATROCINADORES

Segundo a Polícia Militar, Caio Kiyoshi Chaves Watanabe escalou a fachada do templo que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Segundo um amigo do rapaz contou aos militares, ele o advertiu diversas vezes para que não escalasse, ressaltando que ele poderia não só machucar como danificar o patrimônio, mas ele não deu atenção e subiu.


 


A obra vandalizada é um anjo esculpido em pedra-sabão que fica no frontispício do templo, o rapaz agarrou no braço da imagem que quebrou. Ele caiu de uma altura de cerca de seis metros, foi atendido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado à Santa Casa de Misericórdia de São João del-Rei, onde, segundo a PM, deve ficar internado pelos próximos quatro dias.


 


A parte da peça que foi quebrada foi recolhida e guardada dentro da igreja. Peritos e técnicos do Iphan foram chamados ao local e o rapaz deverá ser responsabilizado pelo dano, pois a igreja tem a edificação e o acervo tombados em nível federal, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). 


Ele deverá ser responsabilizado pelo vandalismo ao patrimônio histórico de São João del-Rei.



Um rapaz de 21 anos arrancou uma parte de uma escultura histórica em pedra-sabão ao cair do alto da igreja Nossa Senhora do Carmo, no centro histórico de São João del-Rei, no Campo das Vertentes. O acidente aconteceu na madrugada de ontem, domingo dia 21.



Segundo a Polícia Militar, Caio Kiyoshi Chaves Watanabe escalou a fachada do templo que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Segundo um amigo do rapaz contou aos militares, ele o advertiu diversas vezes para que não escalasse, ressaltando que ele poderia não só machucar como danificar o patrimônio, mas ele não deu atenção e subiu.



PATROCINADORES

A obra vandalizada é um anjo esculpido em pedra-sabão que fica no frontispício do templo, o rapaz agarrou no braço da imagem que quebrou. Ele caiu de uma altura de cerca de seis metros, foi atendido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado à Santa Casa de Misericórdia de São João del-Rei, onde, segundo a PM, deve ficar internado pelos próximos quatro dias.



A parte da peça que foi quebrada foi recolhida e guardada dentro da igreja. Peritos e técnicos do Iphan foram chamados ao local e o rapaz deverá ser responsabilizado pelo dano, pois a igreja tem a edificação e o acervo tombados em nível federal, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). 



Veja Também