news:

Sul de Minas

Sul de Minas tem três finalistas do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Publicado por TV Minas em 30/10/2018

36694907.jpg

Mais de 100 projetos foram inscritos na etapa estadual da 10ª edição da premiação

 

Trinta projetos de 26 cidades mineiras são finalistas da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Destes, três são do Sul de Minas, das cidades de Itajubá, Lavras e Paraguaçu. A iniciativa do Sebrae destaca projetos e ações públicas que beneficiam os pequenos negócios. Os vencedores da premiação serão conhecidos em novembro, em Belo Horizonte.  Informações: www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br.

 

Dos mais de 100 municípios mineiros inscritos na 10ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, 96 foram habilitados. Desses, 30 passaram para etapa final da premiação. “A iniciativa tem o objetivo de estimular o empreendedorismo como ferramenta para o desenvolvimento local e fortalecimento dos pequenos negócios”, explica o analista do Sebrae Minas Nilo Raposo.

 

Estão no páreo da etapa estadual projetos das cidades de: Carmo do Paranaíba, Governador Valadares, Itabira, Itajubá, Janaúba, João Monlevade, Juiz de Fora, Lavras, Nova Serrana, Paraguaçu, Passos, Patos de Minas, Porteirinha, Rodeiro, São Geraldo, São Gonçalo do Rio Abaixo, São Roque de Minas, Taiobeiras, Uberaba, Uberlândia e Uruana de Minas.

 

Os finalistas concorrem em oito categorias:  Inovação e sustentabilidade, Inclusão produtiva e apoio ao MEI, Pequenos negócios no campo, Desburocratização e implementação da Rede Simples, Compras governamentais de pequenos negócios, Cooperação intermunicipal para desenvolvimento econômico, Empreendedorismo na escola e Políticas públicas para desenvolvimento dos pequenos negócios.

 

Os vencedores de cada categoria serão conhecidos no dia 13 de novembro. Eles receberão certificado, troféu e concorrerão a etapa nacional da premiação em 2019, em Brasília.

 

 

Conheça os finalistas do Sul de Minas:

 

Itajubá

 

  • Título do Projeto: Fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação de Itajubá
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: Rodrigo Imar Martinez Riera

 

 

Projeto

 

Com o intuito de fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação no município, a Prefeitura de Itajubá criou um projeto de ações sustentáveis e de impacto na geração de emprego, renda e bem-estar da comunidade. Para isso, o município criou ações efetivas de investimentos nas áreas social, ambiental e cultural, por meio da integração ao Parque Científico e Tecnológico de Itajubá, revisão do apoio do modelo operacional e ratificação do apoio existente, estabelecimento de modelo sustentável para o programa de geração de empreendimentos de base tecnológica, oferta de subsídio para locação de espaços e doação de terrenos no município, ampliação do escopo e melhoria na qualidade do atendimento ao empreendedor, ampliação da oferta de vagas gratuitas e cursos para qualificação profissional.

 

A partir dessas ações, os resultados obtidos foram: construção, através de parceria público privada, de um espaço cultural ‘Teatro Municipal Christiane Riera’; Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares que oferece apoio à formação e consolidação de Empreendimentos Econômicos Solidários (EES); capacitação de 250 pessoas no Programa de Geração de Empreendimentos de Base Tecnológica; aumento de 100% nos atendimentos e serviços prestados na Sala Mineira do Empreendedor; Atendimento de aproximadamente três mil pessoas no polo Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (UAITEC) Itajubá.

 

 

Lavras

 

  • Título do Projeto: Rural +
  • Categoria do Prêmio: Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI
  • Prefeito: Jose Cherem

 

 

Projeto

 

“O Programa Rural +” tem o objetivo de fortalecer as atividades rurais, por meio de ações de estruturação de uma rede produtiva do campo. O programa prevê a participação dos produtores da agricultura familiar nas compras públicas do PNAE, formulação do cardápio escolar de acordo com a produção local, implementação do programa municipal de Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF), programa de Regularização perante o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M), além de programas de capacitação e implantação de boas práticas de produção.

 

Com o Rural + foi constatado um aumento de 430% no valor de fornecimento de alimentos para o PNAE em relação a 2016; aumento 200% de adesão ao SIM no ano de 2017, em relação a todos os anos anteriores; expansão da área da horta, aumentando em 28% o número de famílias beneficiadas; implantação do sistema de captação de água e preservação das nascentes; capacitação dos produtores de hortaliças; aumento de 50% das vendas de produtos cárneos defumados e queijos; incremento de 300% na produção do queijo minas frescal.

 

 

Paraguaçu

 

  • Título do Projeto: Feira do Terno de Paraguaçu
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: José Tibúrcio do Prado Neto

 

 

Projeto

 

A Feira do Terno tem como finalidade consolidar Paraguaçu como Capital do Terno, por meio do investimento em capacitação de mão de obra, profissionalização e promoção do setor. A iniciativa, aliada à outras ações como, implantação da Sala Mineira do Empreendedor e escola de corte e costura, aumento da oferta de trabalho a pessoas em situação de vulnerabilidade social e convênios com entidades de valorização dos pequenos negócios (Fiemg, Sebrae Minas e Associação Comercial) para a realização de capacitações dos empresários, contribuíram para o êxito do projeto.

 

Após a implantação das ações foi identificado o aumento das vendas das confecções do município, geração de novas vagas de emprego que foram atendidas pelos alunos participantes do projeto de formação de mão de obra para as confecções, criação de um ambiente econômico favorável para as empresas do município e fortalecimento das vendas no varejo. Os resultados obtidos foram surpreendentes. As vendas no varejo surpreenderam a expectativa dos participantes da feira e deram mais poder de negociação para os empresários, pois com o fortalecimento do varejo, encontraram um novo canal para escoar sua produção, reduzindo a dependência de uma pequena quantidade de compradores no atacado.

Mais de 100 projetos foram inscritos na etapa estadual da 10ª edição da premiação


 


Trinta projetos de 26 cidades mineiras são finalistas da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Destes, três são do Sul de Minas, das cidades de Itajubá, Lavras e Paraguaçu. A iniciativa do Sebrae destaca projetos e ações públicas que beneficiam os pequenos negócios. Os vencedores da premiação serão conhecidos em novembro, em Belo Horizonte.  Informações: www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br.


 


Dos mais de 100 municípios mineiros inscritos na 10ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, 96 foram habilitados. Desses, 30 passaram para etapa final da premiação. “A iniciativa tem o objetivo de estimular o empreendedorismo como ferramenta para o desenvolvimento local e fortalecimento dos pequenos negócios”, explica o analista do Sebrae Minas Nilo Raposo.


 


Estão no páreo da etapa estadual projetos das cidades de: Carmo do Paranaíba, Governador Valadares, Itabira, Itajubá, Janaúba, João Monlevade, Juiz de Fora, Lavras, Nova Serrana, Paraguaçu, Passos, Patos de Minas, Porteirinha, Rodeiro, São Geraldo, São Gonçalo do Rio Abaixo, São Roque de Minas, Taiobeiras, Uberaba, Uberlândia e Uruana de Minas.


 


Os finalistas concorrem em oito categorias:  Inovação e sustentabilidade, Inclusão produtiva e apoio ao MEI, Pequenos negócios no campo, Desburocratização e implementação da Rede Simples, Compras governamentais de pequenos negócios, Cooperação intermunicipal para desenvolvimento econômico, Empreendedorismo na escola e Políticas públicas para desenvolvimento dos pequenos negócios.


 


Os vencedores de cada categoria serão conhecidos no dia 13 de novembro. Eles receberão certificado, troféu e concorrerão a etapa nacional da premiação em 2019, em Brasília.


 


 


Conheça os finalistas do Sul de Minas:


 


Itajubá


 

  • Título do Projeto: Fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação de Itajubá
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: Rodrigo Imar Martinez Riera

 


 


Projeto


 


Com o intuito de fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação no município, a Prefeitura de Itajubá criou um projeto de ações sustentáveis e de impacto na geração de emprego, renda e bem-estar da comunidade. Para isso, o município criou ações efetivas de investimentos nas áreas social, ambiental e cultural, por meio da integração ao Parque Científico e Tecnológico de Itajubá, revisão do apoio do modelo operacional e ratificação do apoio existente, estabelecimento de modelo sustentável para o programa de geração de empreendimentos de base tecnológica, oferta de subsídio para locação de espaços e doação de terrenos no município, ampliação do escopo e melhoria na qualidade do atendimento ao empreendedor, ampliação da oferta de vagas gratuitas e cursos para qualificação profissional.


 


PATROCINADORES

A partir dessas ações, os resultados obtidos foram: construção, através de parceria público privada, de um espaço cultural ‘Teatro Municipal Christiane Riera’; Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares que oferece apoio à formação e consolidação de Empreendimentos Econômicos Solidários (EES); capacitação de 250 pessoas no Programa de Geração de Empreendimentos de Base Tecnológica; aumento de 100% nos atendimentos e serviços prestados na Sala Mineira do Empreendedor; Atendimento de aproximadamente três mil pessoas no polo Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (UAITEC) Itajubá.


 


 


Lavras


 

  • Título do Projeto: Rural +
  • Categoria do Prêmio: Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI
  • Prefeito: Jose Cherem

 


 


Projeto


 


“O Programa Rural +” tem o objetivo de fortalecer as atividades rurais, por meio de ações de estruturação de uma rede produtiva do campo. O programa prevê a participação dos produtores da agricultura familiar nas compras públicas do PNAE, formulação do cardápio escolar de acordo com a produção local, implementação do programa municipal de Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF), programa de Regularização perante o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M), além de programas de capacitação e implantação de boas práticas de produção.


 


Com o Rural + foi constatado um aumento de 430% no valor de fornecimento de alimentos para o PNAE em relação a 2016; aumento 200% de adesão ao SIM no ano de 2017, em relação a todos os anos anteriores; expansão da área da horta, aumentando em 28% o número de famílias beneficiadas; implantação do sistema de captação de água e preservação das nascentes; capacitação dos produtores de hortaliças; aumento de 50% das vendas de produtos cárneos defumados e queijos; incremento de 300% na produção do queijo minas frescal.


 


 


Paraguaçu


 

  • Título do Projeto: Feira do Terno de Paraguaçu
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: José Tibúrcio do Prado Neto

 


 


Projeto


 


A Feira do Terno tem como finalidade consolidar Paraguaçu como Capital do Terno, por meio do investimento em capacitação de mão de obra, profissionalização e promoção do setor. A iniciativa, aliada à outras ações como, implantação da Sala Mineira do Empreendedor e escola de corte e costura, aumento da oferta de trabalho a pessoas em situação de vulnerabilidade social e convênios com entidades de valorização dos pequenos negócios (Fiemg, Sebrae Minas e Associação Comercial) para a realização de capacitações dos empresários, contribuíram para o êxito do projeto.


 


Após a implantação das ações foi identificado o aumento das vendas das confecções do município, geração de novas vagas de emprego que foram atendidas pelos alunos participantes do projeto de formação de mão de obra para as confecções, criação de um ambiente econômico favorável para as empresas do município e fortalecimento das vendas no varejo. Os resultados obtidos foram surpreendentes. As vendas no varejo surpreenderam a expectativa dos participantes da feira e deram mais poder de negociação para os empresários, pois com o fortalecimento do varejo, encontraram um novo canal para escoar sua produção, reduzindo a dependência de uma pequena quantidade de compradores no atacado.


Mais de 100 projetos foram inscritos na etapa estadual da 10ª edição da premiação



Trinta projetos de 26 cidades mineiras são finalistas da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Destes, três são do Sul de Minas, das cidades de Itajubá, Lavras e Paraguaçu. A iniciativa do Sebrae destaca projetos e ações públicas que beneficiam os pequenos negócios. Os vencedores da premiação serão conhecidos em novembro, em Belo Horizonte.  Informações: www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br.



Dos mais de 100 municípios mineiros inscritos na 10ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, 96 foram habilitados. Desses, 30 passaram para etapa final da premiação. “A iniciativa tem o objetivo de estimular o empreendedorismo como ferramenta para o desenvolvimento local e fortalecimento dos pequenos negócios”, explica o analista do Sebrae Minas Nilo Raposo.



Estão no páreo da etapa estadual projetos das cidades de: Carmo do Paranaíba, Governador Valadares, Itabira, Itajubá, Janaúba, João Monlevade, Juiz de Fora, Lavras, Nova Serrana, Paraguaçu, Passos, Patos de Minas, Porteirinha, Rodeiro, São Geraldo, São Gonçalo do Rio Abaixo, São Roque de Minas, Taiobeiras, Uberaba, Uberlândia e Uruana de Minas.



Os finalistas concorrem em oito categorias:  Inovação e sustentabilidade, Inclusão produtiva e apoio ao MEI, Pequenos negócios no campo, Desburocratização e implementação da Rede Simples, Compras governamentais de pequenos negócios, Cooperação intermunicipal para desenvolvimento econômico, Empreendedorismo na escola e Políticas públicas para desenvolvimento dos pequenos negócios.



Os vencedores de cada categoria serão conhecidos no dia 13 de novembro. Eles receberão certificado, troféu e concorrerão a etapa nacional da premiação em 2019, em Brasília.



Conheça os finalistas do Sul de Minas:



PATROCINADORES

Itajubá



 

  • Título do Projeto: Fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação de Itajubá
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: Rodrigo Imar Martinez Riera


Projeto



Com o intuito de fomentar o ecossistema de empreendedorismo e inovação no município, a Prefeitura de Itajubá criou um projeto de ações sustentáveis e de impacto na geração de emprego, renda e bem-estar da comunidade. Para isso, o município criou ações efetivas de investimentos nas áreas social, ambiental e cultural, por meio da integração ao Parque Científico e Tecnológico de Itajubá, revisão do apoio do modelo operacional e ratificação do apoio existente, estabelecimento de modelo sustentável para o programa de geração de empreendimentos de base tecnológica, oferta de subsídio para locação de espaços e doação de terrenos no município, ampliação do escopo e melhoria na qualidade do atendimento ao empreendedor, ampliação da oferta de vagas gratuitas e cursos para qualificação profissional.



A partir dessas ações, os resultados obtidos foram: construção, através de parceria público privada, de um espaço cultural ‘Teatro Municipal Christiane Riera’; Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares que oferece apoio à formação e consolidação de Empreendimentos Econômicos Solidários (EES); capacitação de 250 pessoas no Programa de Geração de Empreendimentos de Base Tecnológica; aumento de 100% nos atendimentos e serviços prestados na Sala Mineira do Empreendedor; Atendimento de aproximadamente três mil pessoas no polo Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (UAITEC) Itajubá.



Lavras



 

  • Título do Projeto: Rural +
  • Categoria do Prêmio: Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI
  • Prefeito: Jose Cherem


PATROCINADORES

Projeto



“O Programa Rural +” tem o objetivo de fortalecer as atividades rurais, por meio de ações de estruturação de uma rede produtiva do campo. O programa prevê a participação dos produtores da agricultura familiar nas compras públicas do PNAE, formulação do cardápio escolar de acordo com a produção local, implementação do programa municipal de Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF), programa de Regularização perante o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M), além de programas de capacitação e implantação de boas práticas de produção.



Com o Rural + foi constatado um aumento de 430% no valor de fornecimento de alimentos para o PNAE em relação a 2016; aumento 200% de adesão ao SIM no ano de 2017, em relação a todos os anos anteriores; expansão da área da horta, aumentando em 28% o número de famílias beneficiadas; implantação do sistema de captação de água e preservação das nascentes; capacitação dos produtores de hortaliças; aumento de 50% das vendas de produtos cárneos defumados e queijos; incremento de 300% na produção do queijo minas frescal.



Paraguaçu



 

  • Título do Projeto: Feira do Terno de Paraguaçu
  • Categoria do Prêmio: Inovação e Sustentabilidade
  • Prefeito: José Tibúrcio do Prado Neto


Projeto



A Feira do Terno tem como finalidade consolidar Paraguaçu como Capital do Terno, por meio do investimento em capacitação de mão de obra, profissionalização e promoção do setor. A iniciativa, aliada à outras ações como, implantação da Sala Mineira do Empreendedor e escola de corte e costura, aumento da oferta de trabalho a pessoas em situação de vulnerabilidade social e convênios com entidades de valorização dos pequenos negócios (Fiemg, Sebrae Minas e Associação Comercial) para a realização de capacitações dos empresários, contribuíram para o êxito do projeto.



Após a implantação das ações foi identificado o aumento das vendas das confecções do município, geração de novas vagas de emprego que foram atendidas pelos alunos participantes do projeto de formação de mão de obra para as confecções, criação de um ambiente econômico favorável para as empresas do município e fortalecimento das vendas no varejo. Os resultados obtidos foram surpreendentes. As vendas no varejo surpreenderam a expectativa dos participantes da feira e deram mais poder de negociação para os empresários, pois com o fortalecimento do varejo, encontraram um novo canal para escoar sua produção, reduzindo a dependência de uma pequena quantidade de compradores no atacado.



Veja Também