news:

Sul de Minas

Advogado agride companheira com filha de um ano no colo em Varginha

Publicado por TV Minas em 10/01/2019

foto_principal.jpg

Caso aconteceu em estacionamento de supermercado ABC em Varginha. Segundo a vítima, o motivo da briga foi pelo advogado não aceitar pedido de separação.

 

Um advogado foi preso suspeito de agredir a companheira no estacionamento do supermercado ABC, em Varginha. O caso aconteceu no final da tarde de quarta-feira (9) durante uma discussão entre o casal. A polícia afirma que, no momento da suposta agressão, a vítima estava com a filha de 1 ano e 8 meses no colo.

 

Segundo a mulher, de 31 anos, a briga aconteceu após ela pedir o fim do relacionamento e o companheiro não aceitar a separação. Na briga, o homem teria começado as ofensas dentro do carro e impedido que a mulher voltasse para a casa com a filha.

 

Em seguida, segundo o boletim de ocorrência, o homem de 39 anos teria tentado retirar a mulher do carro à força. Então, agrediu a companheira com um soco no rosto.

 

O advogado foi contido por pessoas que passavam pelo local. A mulher e a criança não precisaram de atendimento médico. O homem foi levado para o presídio de Varginha.

Caso aconteceu em estacionamento de supermercado ABC em Varginha. Segundo a vítima, o motivo da briga foi pelo advogado não aceitar pedido de separação.


 


Um advogado foi preso suspeito de agredir a companheira no estacionamento do supermercado ABC, em Varginha. O caso aconteceu no final da tarde de quarta-feira (9) durante uma discussão entre o casal. A polícia afirma que, no momento da suposta agressão, a vítima estava com a filha de 1 ano e 8 meses no colo.


 


PATROCINADORES

Segundo a mulher, de 31 anos, a briga aconteceu após ela pedir o fim do relacionamento e o companheiro não aceitar a separação. Na briga, o homem teria começado as ofensas dentro do carro e impedido que a mulher voltasse para a casa com a filha.


 


Em seguida, segundo o boletim de ocorrência, o homem de 39 anos teria tentado retirar a mulher do carro à força. Então, agrediu a companheira com um soco no rosto.


 


O advogado foi contido por pessoas que passavam pelo local. A mulher e a criança não precisaram de atendimento médico. O homem foi levado para o presídio de Varginha.


Caso aconteceu em estacionamento de supermercado ABC em Varginha. Segundo a vítima, o motivo da briga foi pelo advogado não aceitar pedido de separação.



Um advogado foi preso suspeito de agredir a companheira no estacionamento do supermercado ABC, em Varginha. O caso aconteceu no final da tarde de quarta-feira (9) durante uma discussão entre o casal. A polícia afirma que, no momento da suposta agressão, a vítima estava com a filha de 1 ano e 8 meses no colo.



Segundo a mulher, de 31 anos, a briga aconteceu após ela pedir o fim do relacionamento e o companheiro não aceitar a separação. Na briga, o homem teria começado as ofensas dentro do carro e impedido que a mulher voltasse para a casa com a filha.



PATROCINADORES

Em seguida, segundo o boletim de ocorrência, o homem de 39 anos teria tentado retirar a mulher do carro à força. Então, agrediu a companheira com um soco no rosto.



O advogado foi contido por pessoas que passavam pelo local. A mulher e a criança não precisaram de atendimento médico. O homem foi levado para o presídio de Varginha.



Veja Também