news:

Notícias

Em meio à pandemia, BH tem quase 4.000 casos confirmados de dengue

Publicado por TV Minas em 20/06/2020 às 12h36 - Atualizado às 12h36

foto_principal.jpg

Região Leste concentra o maior número de casos; logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro e Venda Nova.

 

A dengue está longe de dar trégua aos moradores de Belo Horizonte. A capital já registrou 3.981 casos da doeça neste ano. São 200 casos a mais do que o contabilizado na semana passada, segundo o último balanço divulgado pela prefeitura nesta sexta-feira (19). 

 

A região Leste é a que concentra o maior número de casos, com 866 confirmações. Logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro (595) e Venda Nova (532). Todas as regionais aumenaram o número de casos na capital. 

 

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde (SMS), 16 pessoas tiveram exame positivo para Chikungunya em Belo Horizonte. Outros 28 casos estão sob investigação. 

 

Com relação à Zika, a prefeitura não registrou casos confirmados. No entanto, sete casos seguem sob investigação. 

 

 

Outro lado

 

De acordo com a PBH, as ações de combate ao vetor da doença foram intensificadas nas áreas com suspeitas de caso da doença.

Região Leste concentra o maior número de casos; logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro e Venda Nova.


 


A dengue está longe de dar trégua aos moradores de Belo Horizonte. A capital já registrou 3.981 casos da doeça neste ano. São 200 casos a mais do que o contabilizado na semana passada, segundo o último balanço divulgado pela prefeitura nesta sexta-feira (19). 


 


A região Leste é a que concentra o maior número de casos, com 866 confirmações. Logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro (595) e Venda Nova (532). Todas as regionais aumenaram o número de casos na capital. 


 


De acordo com a Secretária Municipal de Saúde (SMS), 16 pessoas tiveram exame positivo para Chikungunya em Belo Horizonte. Outros 28 casos estão sob investigação. 


PATROCINADORES

 


Com relação à Zika, a prefeitura não registrou casos confirmados. No entanto, sete casos seguem sob investigação. 


 


 


Outro lado


 


De acordo com a PBH, as ações de combate ao vetor da doença foram intensificadas nas áreas com suspeitas de caso da doença.


Região Leste concentra o maior número de casos; logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro e Venda Nova.



A dengue está longe de dar trégua aos moradores de Belo Horizonte. A capital já registrou 3.981 casos da doeça neste ano. São 200 casos a mais do que o contabilizado na semana passada, segundo o último balanço divulgado pela prefeitura nesta sexta-feira (19). 



A região Leste é a que concentra o maior número de casos, com 866 confirmações. Logo em seguida aparecem as regiões do Barreiro (595) e Venda Nova (532). Todas as regionais aumenaram o número de casos na capital. 



PATROCINADORES

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde (SMS), 16 pessoas tiveram exame positivo para Chikungunya em Belo Horizonte. Outros 28 casos estão sob investigação. 



Com relação à Zika, a prefeitura não registrou casos confirmados. No entanto, sete casos seguem sob investigação. 



Outro lado



De acordo com a PBH, as ações de combate ao vetor da doença foram intensificadas nas áreas com suspeitas de caso da doença.



Veja Também