news:

Esporte

Mick, filho de Schumacher, fará sua estreia na Fórmula 1

Publicado por TV Minas em 25/07/2020 às 15h12 - Atualizado em 11/10/2020 às 14h02

foto_principal.jpg

A Ferrari anunciou nesta terça-feira (29) que Mick Schumacher, filho do piloto heptacampeão mundial, fará sua estreia na Fórmula 1 no próximo dia 9 de outubro. Ele ocupará o carro de Antonio Giovinazzi, da equipe Alfa Romeo, no primeiro treino livre do GP de Eifel, na Alemanha.

 

A oportunidade surgiu porque o piloto de 21 anos faz parte da Ferrari Driver Academy, iniciativa da escuderia para promover jovens talentos. "Super feliz e mal posso esperar para dirigir na frente da minha torcida. Um grande obrigado à Ferrari Driver Academy, à Ferrari e à Alfa Romeo por esta oportunidade!", declarou o alemão após o anúncio.

 

Apesar de ser sua primeira participação em uma corrida oficial, Mick Schumacher já pilotou carros de Fórmula 1 em outras oportunidades. Em 2019, ele dirigiu um carro da Ferrari em um teste feito no Circuito Internacional do Bahrein. No mês passado, chegou a dirigir a Ferrari F2004, carro no qual viu o pai ganhar seu sétimo título de F1. 

 

“Nos próximos dez dias vou me preparar bem, para poder fazer o melhor trabalho possível para a equipe e obter alguns dados valiosos para o fim de semana”, declarou o piloto que atualmente lidera a classificação do campeonato de Fórmula 2.

 

Além de Schumacher, outros dois colegas de categoria farão sua estreia na F1. O britânico Callum Ilott guiará o carro da equipe Haas no primeiro treino livre do GP de Eifel. E o russo Robert Shwartzman participará do primeiro treino livre do último GP do ano, em Abu Dhabi, também pela Haas.

 

 

Veja Também:

Hamilton vence em Nürburgring e iguala recorde de vitórias de Schumacher na F1

A Ferrari anunciou nesta terça-feira (29) que Mick Schumacher, filho do piloto heptacampeão mundial, fará sua estreia na Fórmula 1 no próximo dia 9 de outubro. Ele ocupará o carro de Antonio Giovinazzi, da equipe Alfa Romeo, no primeiro treino livre do GP de Eifel, na Alemanha.


 


A oportunidade surgiu porque o piloto de 21 anos faz parte da Ferrari Driver Academy, iniciativa da escuderia para promover jovens talentos. "Super feliz e mal posso esperar para dirigir na frente da minha torcida. Um grande obrigado à Ferrari Driver Academy, à Ferrari e à Alfa Romeo por esta oportunidade!", declarou o alemão após o anúncio.


 


Apesar de ser sua primeira participação em uma corrida oficial, Mick Schumacher já pilotou carros de Fórmula 1 em outras oportunidades. Em 2019, ele dirigiu um carro da Ferrari em um teste feito no Circuito Internacional do Bahrein. No mês passado, chegou a dirigir a Ferrari F2004, carro no qual viu o pai ganhar seu sétimo título de F1. 


 


PATROCINADORES

“Nos próximos dez dias vou me preparar bem, para poder fazer o melhor trabalho possível para a equipe e obter alguns dados valiosos para o fim de semana”, declarou o piloto que atualmente lidera a classificação do campeonato de Fórmula 2.


 


Além de Schumacher, outros dois colegas de categoria farão sua estreia na F1. O britânico Callum Ilott guiará o carro da equipe Haas no primeiro treino livre do GP de Eifel. E o russo Robert Shwartzman participará do primeiro treino livre do último GP do ano, em Abu Dhabi, também pela Haas.


 


 


Veja Também:


Hamilton vence em Nürburgring e iguala recorde de vitórias de Schumacher na F1


A Ferrari anunciou nesta terça-feira (29) que Mick Schumacher, filho do piloto heptacampeão mundial, fará sua estreia na Fórmula 1 no próximo dia 9 de outubro. Ele ocupará o carro de Antonio Giovinazzi, da equipe Alfa Romeo, no primeiro treino livre do GP de Eifel, na Alemanha.



A oportunidade surgiu porque o piloto de 21 anos faz parte da Ferrari Driver Academy, iniciativa da escuderia para promover jovens talentos. "Super feliz e mal posso esperar para dirigir na frente da minha torcida. Um grande obrigado à Ferrari Driver Academy, à Ferrari e à Alfa Romeo por esta oportunidade!", declarou o alemão após o anúncio.



Apesar de ser sua primeira participação em uma corrida oficial, Mick Schumacher já pilotou carros de Fórmula 1 em outras oportunidades. Em 2019, ele dirigiu um carro da Ferrari em um teste feito no Circuito Internacional do Bahrein. No mês passado, chegou a dirigir a Ferrari F2004, carro no qual viu o pai ganhar seu sétimo título de F1. 



PATROCINADORES

“Nos próximos dez dias vou me preparar bem, para poder fazer o melhor trabalho possível para a equipe e obter alguns dados valiosos para o fim de semana”, declarou o piloto que atualmente lidera a classificação do campeonato de Fórmula 2.



Além de Schumacher, outros dois colegas de categoria farão sua estreia na F1. O britânico Callum Ilott guiará o carro da equipe Haas no primeiro treino livre do GP de Eifel. E o russo Robert Shwartzman participará do primeiro treino livre do último GP do ano, em Abu Dhabi, também pela Haas.



Veja Também:



Hamilton vence em Nürburgring e iguala recorde de vitórias de Schumacher na F1



Veja Também