news:

Bem Estar

Máscara é achada no estômago de pinguim encontrado morto no litoral de SP

Publicado por TV Minas em 16/09/2020 às 19h21 - Atualizado às 16h46

foto_principal.jpeg

Animal foi encontrado na praia de Juquehy, em São Sebastião. Acessório foi encontrado embrulhado no estômago.

 

Um Pinguim-de-Magalhães foi encontrado morto em São Sebastião, litoral norte de São Paulo.

 

Uma necrópsia realizada na ave, apontou que o animal morreu após engolir uma máscara N95, recomendada apenas para uso hospitalar. 

 

De acordo com o Instituto Argonauta, a equipe foi acionada para retirar o pinguim da Praia de Juquehy no dia 9 de setembro, dois dias após o feriado prolongado da Independência,

 

O corpo já estava com aparência magra e coberto por areia. Durante o procedimento de necropsia, para identificar a causa da morte, uma máscara foi encontrada enrolada em seu estômago.

 

O Instituto aponta que lixos são encontrados comumente por esse tipo de exame, mas que o descarte irregular de máscaras tem representado um novo perigo para os animais.

 

"Nós já vínhamos alertando o aparecimento de máscara, e esse caso é a prova inequívoca de que esse tipo de resíduo causa mal e mortalidade também na fauna marinha, além da irresponsabilidade da pessoa que dispensa uma máscara em um lugar inadequado, pois é um lixo hospitalar com risco de contaminação de outras pessoas", afirmou Hugo Gallo, presidente do Instituto Argonauta.

 

 

Pinguim-de-Magalhães  morreu após engolir uma máscara.

Animal foi encontrado na praia de Juquehy, em São Sebastião. Acessório foi encontrado embrulhado no estômago.


 


Um Pinguim-de-Magalhães foi encontrado morto em São Sebastião, litoral norte de São Paulo.


 


Uma necrópsia realizada na ave, apontou que o animal morreu após engolir uma máscara N95, recomendada apenas para uso hospitalar. 


 


De acordo com o Instituto Argonauta, a equipe foi acionada para retirar o pinguim da Praia de Juquehy no dia 9 de setembro, dois dias após o feriado prolongado da Independência,


 


PATROCINADORES

O corpo já estava com aparência magra e coberto por areia. Durante o procedimento de necropsia, para identificar a causa da morte, uma máscara foi encontrada enrolada em seu estômago.


 


O Instituto aponta que lixos são encontrados comumente por esse tipo de exame, mas que o descarte irregular de máscaras tem representado um novo perigo para os animais.


 


"Nós já vínhamos alertando o aparecimento de máscara, e esse caso é a prova inequívoca de que esse tipo de resíduo causa mal e mortalidade também na fauna marinha, além da irresponsabilidade da pessoa que dispensa uma máscara em um lugar inadequado, pois é um lixo hospitalar com risco de contaminação de outras pessoas", afirmou Hugo Gallo, presidente do Instituto Argonauta.


 


 



Pinguim-de-Magalhães  morreu após engolir uma máscara.


Animal foi encontrado na praia de Juquehy, em São Sebastião. Acessório foi encontrado embrulhado no estômago.



Um Pinguim-de-Magalhães foi encontrado morto em São Sebastião, litoral norte de São Paulo.



Uma necrópsia realizada na ave, apontou que o animal morreu após engolir uma máscara N95, recomendada apenas para uso hospitalar. 



PATROCINADORES

De acordo com o Instituto Argonauta, a equipe foi acionada para retirar o pinguim da Praia de Juquehy no dia 9 de setembro, dois dias após o feriado prolongado da Independência,



O corpo já estava com aparência magra e coberto por areia. Durante o procedimento de necropsia, para identificar a causa da morte, uma máscara foi encontrada enrolada em seu estômago.



PATROCINADORES

O Instituto aponta que lixos são encontrados comumente por esse tipo de exame, mas que o descarte irregular de máscaras tem representado um novo perigo para os animais.



"Nós já vínhamos alertando o aparecimento de máscara, e esse caso é a prova inequívoca de que esse tipo de resíduo causa mal e mortalidade também na fauna marinha, além da irresponsabilidade da pessoa que dispensa uma máscara em um lugar inadequado, pois é um lixo hospitalar com risco de contaminação de outras pessoas", afirmou Hugo Gallo, presidente do Instituto Argonauta.





Pinguim-de-Magalhães  morreu após engolir uma máscara.



Veja Também