news:

Sul de Minas

Plantio de dama da noite é proibido em cidade sul-mineira

Publicado por TV Minas em 01/12/2020 às 13h16 - Atualizado em 02/12/2020 às 20h40

foto_principal.jpg

Planta, que também é conhecida como murta da noite pode transmitir doenças para plantas frutíferas.

 

Os vereadores de Guaxupé, Sul de Minas, aprovaram durante a 5ª Sessão Extraordinária, da última quinta-feira (26) projeto de lei do Legislativo que proíbe o plantio da Murta-de-cheiro em calçadas da cidade. A planta, também conhecida como dama da noite, que pode transmitir doença a outras plantas. O PL também prevê a retirada gradual da planta de locais onde ela tenha sido cultivada no município.

 

A proposta, de autoria dos vereadores Donizetti Luciano e Paulo César Beltrão, levou em consideração estudos de entidades públicas do setor agrário, que comprovaram os malefícios deste tipo de planta para árvores frutíferas. A doença causada pela murta-de-cheiro pode ser transmitida a outras plantações que estejam a pouca distância do vegetal hospedeiro

 

As ações para retirada e troca nos locais onde seja identificado o vegetal serão realizadas gradualmente. Após a sanção da lei, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente deve ficar responsável por decidir como isso será realizado.

 

 

Greening

 

A murta de cheiro é hospedeira do psilídeo Diaphorina citri. O inseto causa o greening, que afeta principalmente a citricultura.

 

Em outras cidades da região, como Guaranésia, já há lei que proíbe o plantio da murta em calçadas.

 

 

Patrocinador:

Planta, que também é conhecida como murta da noite pode transmitir doenças para plantas frutíferas.


 


Os vereadores de Guaxupé, Sul de Minas, aprovaram durante a 5ª Sessão Extraordinária, da última quinta-feira (26) projeto de lei do Legislativo que proíbe o plantio da Murta-de-cheiro em calçadas da cidade. A planta, também conhecida como dama da noite, que pode transmitir doença a outras plantas. O PL também prevê a retirada gradual da planta de locais onde ela tenha sido cultivada no município.


 


A proposta, de autoria dos vereadores Donizetti Luciano e Paulo César Beltrão, levou em consideração estudos de entidades públicas do setor agrário, que comprovaram os malefícios deste tipo de planta para árvores frutíferas. A doença causada pela murta-de-cheiro pode ser transmitida a outras plantações que estejam a pouca distância do vegetal hospedeiro


 


As ações para retirada e troca nos locais onde seja identificado o vegetal serão realizadas gradualmente. Após a sanção da lei, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente deve ficar responsável por decidir como isso será realizado.


 


 


PATROCINADORES

Greening


 


A murta de cheiro é hospedeira do psilídeo Diaphorina citri. O inseto causa o greening, que afeta principalmente a citricultura.


 


Em outras cidades da região, como Guaranésia, já há lei que proíbe o plantio da murta em calçadas.


 


 


Patrocinador:



Planta, que também é conhecida como murta da noite pode transmitir doenças para plantas frutíferas.



Os vereadores de Guaxupé, Sul de Minas, aprovaram durante a 5ª Sessão Extraordinária, da última quinta-feira (26) projeto de lei do Legislativo que proíbe o plantio da Murta-de-cheiro em calçadas da cidade. A planta, também conhecida como dama da noite, que pode transmitir doença a outras plantas. O PL também prevê a retirada gradual da planta de locais onde ela tenha sido cultivada no município.



A proposta, de autoria dos vereadores Donizetti Luciano e Paulo César Beltrão, levou em consideração estudos de entidades públicas do setor agrário, que comprovaram os malefícios deste tipo de planta para árvores frutíferas. A doença causada pela murta-de-cheiro pode ser transmitida a outras plantações que estejam a pouca distância do vegetal hospedeiro



PATROCINADORES

As ações para retirada e troca nos locais onde seja identificado o vegetal serão realizadas gradualmente. Após a sanção da lei, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente deve ficar responsável por decidir como isso será realizado.



Greening



A murta de cheiro é hospedeira do psilídeo Diaphorina citri. O inseto causa o greening, que afeta principalmente a citricultura.



PATROCINADORES

Em outras cidades da região, como Guaranésia, já há lei que proíbe o plantio da murta em calçadas.



Patrocinador:





Veja Também