news:

Sul de Minas

Fenômeno 'parecido' com tornado chama atenção em Andradas

Publicado por TV Minas em 27/10/2015

foto_principal.jpg

Imagens registraram "Nuvem Funil", no Pico do Gavião, em Andradas. Segundo instituto, isso ocorre quando há choque de massas de ar opostas.

 

Um fenômeno raro conhecido como "Nuvem Funil" chamou a atenção de quem estava no Pico do Gavião, em Andradas (MG), no último fim de semana. As imagens foram registradas na tarde do último domingo (25).

 

Segundo o Instituto Somar de Meteorologia, o fenômeno registrado é semelhante a um tornado, mas de fraca intensidade e não chega a tocar o solo. Ele ocorre principalmente quando há o choque de massas de ar frio com o ar quente.

 

Ainda de acordo com o instituto de meteorologia, a nuvem teve intensidade classificada entre 0 e 1 na "Escala Fujita", responsável por medir a intensidade de tornados.

 

Nesse tipo de fenômeno, os ventos podem chegar a 180 quilômetros por hora.

Imagens registraram "Nuvem Funil", no Pico do Gavião, em Andradas. Segundo instituto, isso ocorre quando há choque de massas de ar opostas.


 


Um fenômeno raro conhecido como "Nuvem Funil" chamou a atenção de quem estava no Pico do Gavião, em Andradas (MG), no último fim de semana. As imagens foram registradas na tarde do último domingo (25).


 


PATROCINADORES

Segundo o Instituto Somar de Meteorologia, o fenômeno registrado é semelhante a um tornado, mas de fraca intensidade e não chega a tocar o solo. Ele ocorre principalmente quando há o choque de massas de ar frio com o ar quente.


 


Ainda de acordo com o instituto de meteorologia, a nuvem teve intensidade classificada entre 0 e 1 na "Escala Fujita", responsável por medir a intensidade de tornados.


 


Nesse tipo de fenômeno, os ventos podem chegar a 180 quilômetros por hora.


Imagens registraram "Nuvem Funil", no Pico do Gavião, em Andradas. Segundo instituto, isso ocorre quando há choque de massas de ar opostas.



Um fenômeno raro conhecido como "Nuvem Funil" chamou a atenção de quem estava no Pico do Gavião, em Andradas (MG), no último fim de semana. As imagens foram registradas na tarde do último domingo (25).



Segundo o Instituto Somar de Meteorologia, o fenômeno registrado é semelhante a um tornado, mas de fraca intensidade e não chega a tocar o solo. Ele ocorre principalmente quando há o choque de massas de ar frio com o ar quente.



PATROCINADORES

Ainda de acordo com o instituto de meteorologia, a nuvem teve intensidade classificada entre 0 e 1 na "Escala Fujita", responsável por medir a intensidade de tornados.



Nesse tipo de fenômeno, os ventos podem chegar a 180 quilômetros por hora.



Veja Também