news:

Entretenimento e Curiosidade

Para não deixar herança, idosa destrói quase 1 milhão de euros

Publicado por TV Minas em 05/11/2015

foto_principal.jpg

Idosa austríaca rasgou 950 mil euros antes de morrer. Banco Central da Áustria disse estar disposto a substituir cédulas rasgadas.

 

Uma austríaca de 85 anos destruiu metodicamente quase um milhão de euros em notas de grande valor antes de morrer a fim de prejudicar seus herdeiros.

 

As notas despedaçadas de 100 e 500 euros, em um total de 950.000 euros, foram descobertas na residência da octogenária depois de sua morte.

 

A idosa também destruiu suas cadernetas de poupança, segundo informações da promotoria da cidade de Wiener Neustadt, a 45 km de Viena.

 

A promotoria não abriu uma investigação porque os fatos "não constituem uma infração penal".
No entanto, a vingança da idosa pode fracassar, já que o Banco Central da Áustria afirmou ao jornal Kurier que está disposto a substituir as cédulas rasgadas.

Idosa austríaca rasgou 950 mil euros antes de morrer. Banco Central da Áustria disse estar disposto a substituir cédulas rasgadas.


 


Uma austríaca de 85 anos destruiu metodicamente quase um milhão de euros em notas de grande valor antes de morrer a fim de prejudicar seus herdeiros.


 


PATROCINADORES

As notas despedaçadas de 100 e 500 euros, em um total de 950.000 euros, foram descobertas na residência da octogenária depois de sua morte.


 


A idosa também destruiu suas cadernetas de poupança, segundo informações da promotoria da cidade de Wiener Neustadt, a 45 km de Viena.


 


A promotoria não abriu uma investigação porque os fatos "não constituem uma infração penal".
No entanto, a vingança da idosa pode fracassar, já que o Banco Central da Áustria afirmou ao jornal Kurier que está disposto a substituir as cédulas rasgadas.


Idosa austríaca rasgou 950 mil euros antes de morrer. Banco Central da Áustria disse estar disposto a substituir cédulas rasgadas.



Uma austríaca de 85 anos destruiu metodicamente quase um milhão de euros em notas de grande valor antes de morrer a fim de prejudicar seus herdeiros.



As notas despedaçadas de 100 e 500 euros, em um total de 950.000 euros, foram descobertas na residência da octogenária depois de sua morte.



PATROCINADORES

A idosa também destruiu suas cadernetas de poupança, segundo informações da promotoria da cidade de Wiener Neustadt, a 45 km de Viena.



A promotoria não abriu uma investigação porque os fatos "não constituem uma infração penal".
No entanto, a vingança da idosa pode fracassar, já que o Banco Central da Áustria afirmou ao jornal Kurier que está disposto a substituir as cédulas rasgadas.



Veja Também