news:

Sul de Minas

Com crise, Prefeitura de Varginha corta decoração de Natal em 2015

Publicado por TV Minas em 17/11/2015

foto_principal.jpg

Segundo prefeito, despesa com ornamentação ultrapassa R$ 100 mil. Comerciantes dizem que falta de clima natalino pode prejudicar vendas.

 

A Prefeitura de Varginha (MG) anunciou que este ano não haverá enfeites ou iluminação de Natal na cidade. Segundo a administração municipal, a crise econômica motivou o corte de despesas com a decoração deste ano. Para os comerciantes, a falta do clima natalino pode prejudicar as vendas.

 

Há pouco mais de um mês do Natal, nem sinal de festividades pelas ruas de Varginha. Nem mesmo os tradicionais pisca-pisca serão colocados nas vias. Segundo o prefeito municipal, Antônio Silva (PTB), os gastos com ornamentação ultrapassam R$ 100 mil.

 

"Em razão destas dificuldades financeiras que hoje afligem todos os municípios brasileiros, nós tivemos que priorizar com muita prudência, com muita cautela aqueles investimentos e os gastos essenciais", disse.

 

Para a Associação Comercial e Industrial de Varginha (Aciv), a cidade vai perder o clima natalino que ajuda a aquecer as vendas. "No mundo inteiro, todo mundo gosta de sentir o espírito natalino e realmente para se sair de casa, à noite, para fazer as compras, tem que encontrar um ponto de atração sugestivo", disse o presidente da Aciv Aloysio Ribeiro de Almeida.

 

Os comerciantes também lamentaram a notícia. "Quando se vê uma cidade mais bonita, iluminada, as pessoas da região vêm pra Varginha, a gente percebe que trazem suas famílias", conta o comerciante Anderson de Souza Martins.

 

 

Investindo na magia do Natal

 

Para não perder de todo o encanto, lojistas estão investindo do próprio bolso pra tornar a decoração mais atraente. A comerciante Elisete Cristina de Carvalho Ribeiro vai investir 20% a mais com a iluminação da vitrine da loja.

 

"As pessoas vendo uma vitrine bem decorada, bem bonita, ela já calcula que o produto que está dentro da loja também vai ser atrativo para comprar os presentes. Então com certeza traz um outro clima para uma loja", explica.

 

Entre outros comerciantes, muitos concordam que o momento é de cortar gastos, mas sugerem opções mais em conta pra que não falte a magia do Natal na cidade.

 

"Poços de Caldas, a cidade fica maravilhosa e [a decoração] é toda feita com garrafa pet", comenta a aposentada Isabel Camões Padilha.

Segundo prefeito, despesa com ornamentação ultrapassa R$ 100 mil. Comerciantes dizem que falta de clima natalino pode prejudicar vendas.


 


A Prefeitura de Varginha (MG) anunciou que este ano não haverá enfeites ou iluminação de Natal na cidade. Segundo a administração municipal, a crise econômica motivou o corte de despesas com a decoração deste ano. Para os comerciantes, a falta do clima natalino pode prejudicar as vendas.


 


Há pouco mais de um mês do Natal, nem sinal de festividades pelas ruas de Varginha. Nem mesmo os tradicionais pisca-pisca serão colocados nas vias. Segundo o prefeito municipal, Antônio Silva (PTB), os gastos com ornamentação ultrapassam R$ 100 mil.


 


"Em razão destas dificuldades financeiras que hoje afligem todos os municípios brasileiros, nós tivemos que priorizar com muita prudência, com muita cautela aqueles investimentos e os gastos essenciais", disse.


 


Para a Associação Comercial e Industrial de Varginha (Aciv), a cidade vai perder o clima natalino que ajuda a aquecer as vendas. "No mundo inteiro, todo mundo gosta de sentir o espírito natalino e realmente para se sair de casa, à noite, para fazer as compras, tem que encontrar um ponto de atração sugestivo", disse o presidente da Aciv Aloysio Ribeiro de Almeida.


 


Os comerciantes também lamentaram a notícia. "Quando se vê uma cidade mais bonita, iluminada, as pessoas da região vêm pra Varginha, a gente percebe que trazem suas famílias", conta o comerciante Anderson de Souza Martins.


PATROCINADORES

 


 


Investindo na magia do Natal


 


Para não perder de todo o encanto, lojistas estão investindo do próprio bolso pra tornar a decoração mais atraente. A comerciante Elisete Cristina de Carvalho Ribeiro vai investir 20% a mais com a iluminação da vitrine da loja.


 


"As pessoas vendo uma vitrine bem decorada, bem bonita, ela já calcula que o produto que está dentro da loja também vai ser atrativo para comprar os presentes. Então com certeza traz um outro clima para uma loja", explica.


 


Entre outros comerciantes, muitos concordam que o momento é de cortar gastos, mas sugerem opções mais em conta pra que não falte a magia do Natal na cidade.


 


"Poços de Caldas, a cidade fica maravilhosa e [a decoração] é toda feita com garrafa pet", comenta a aposentada Isabel Camões Padilha.


Segundo prefeito, despesa com ornamentação ultrapassa R$ 100 mil. Comerciantes dizem que falta de clima natalino pode prejudicar vendas.



A Prefeitura de Varginha (MG) anunciou que este ano não haverá enfeites ou iluminação de Natal na cidade. Segundo a administração municipal, a crise econômica motivou o corte de despesas com a decoração deste ano. Para os comerciantes, a falta do clima natalino pode prejudicar as vendas.



Há pouco mais de um mês do Natal, nem sinal de festividades pelas ruas de Varginha. Nem mesmo os tradicionais pisca-pisca serão colocados nas vias. Segundo o prefeito municipal, Antônio Silva (PTB), os gastos com ornamentação ultrapassam R$ 100 mil.



"Em razão destas dificuldades financeiras que hoje afligem todos os municípios brasileiros, nós tivemos que priorizar com muita prudência, com muita cautela aqueles investimentos e os gastos essenciais", disse.



PATROCINADORES

Para a Associação Comercial e Industrial de Varginha (Aciv), a cidade vai perder o clima natalino que ajuda a aquecer as vendas. "No mundo inteiro, todo mundo gosta de sentir o espírito natalino e realmente para se sair de casa, à noite, para fazer as compras, tem que encontrar um ponto de atração sugestivo", disse o presidente da Aciv Aloysio Ribeiro de Almeida.



Os comerciantes também lamentaram a notícia. "Quando se vê uma cidade mais bonita, iluminada, as pessoas da região vêm pra Varginha, a gente percebe que trazem suas famílias", conta o comerciante Anderson de Souza Martins.



Investindo na magia do Natal



PATROCINADORES

Para não perder de todo o encanto, lojistas estão investindo do próprio bolso pra tornar a decoração mais atraente. A comerciante Elisete Cristina de Carvalho Ribeiro vai investir 20% a mais com a iluminação da vitrine da loja.



"As pessoas vendo uma vitrine bem decorada, bem bonita, ela já calcula que o produto que está dentro da loja também vai ser atrativo para comprar os presentes. Então com certeza traz um outro clima para uma loja", explica.



Entre outros comerciantes, muitos concordam que o momento é de cortar gastos, mas sugerem opções mais em conta pra que não falte a magia do Natal na cidade.



"Poços de Caldas, a cidade fica maravilhosa e [a decoração] é toda feita com garrafa pet", comenta a aposentada Isabel Camões Padilha.



Veja Também